Notícias | Dia a dia
Emilio Sánchez: 'Não haverá mais tênis em 2020'
24/03/2020 às 08h55

Miami (EUA) - Enquanto alguns já contam os dias para o retorno do circuito, atualmente marcado para a semana do dia 8 de junho, há aqueles que não estão muito esperançosos e apostam que dificilmente poderemos ter competições ainda em 2020. É assim que pensa o espanhol Emilio Sánchez Vicario, ex-tenista profissional e ex-número 1 em duplas.

“Não haverá mais tênis em 2020, não acredito que seja possível. Quando acabar o vírus em cada país, os governos vão impor controle de pessoas e obrigarão quarentenas de 14 dias, como está fazendo a China com qualquer pessoa que chega. É impossível que os jogadores façam quarentenas de 14 dias antes de cada torneio”, disse o espanhol para o Marca.

Campeão de duplas no US Open de 1988 e no torneio de Roland Garros de 1988 e 1990, Emilio Sánchez vive na Flórida, onde ele dirige o seu bem sucedido centro de tênis em Naples. Irmão de Aratxa Sánchez, ele também foi medalha de prata nas duplas masculinas nos Jogos Olímpicos de 1988. Desde que se aposentou, ele foi o capitão de seu país no título da Copa Davis em 2008.

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva