Notícias | Dia a dia
Rublev defende mudança de data em Roland Garros
20/03/2020 às 10h36

Moscou (Rússia) - Enquanto a maior parte dos jogadores preferiu criticar a mudança de data de Roland Garros, por causa da decisão ter acontecido sem que fossem consultados, o russo Andrey Rublev preferiu seguir outra linha de raciocínio. Ele defendeu a decisão do Grand Slam francês e disse que ela acaba sendo positiva para o circuito.

“Foi um choque, mas é melhor jogar Roland Garros no final do ano do que não o fazer. Ao contrário dos esportes coletivos, os tenistas não têm salário, só temos prêmios em dinheiro. Se não jogarmos, não ganhamos nada", declarou Rublev ao canal esportivo russo Match TV.

Atual 14 do mundo, o russo de 22 anos começou a temporada com tudo e levantou dois troféus nas duas primeiras semanas de 2020, triunfando nos ATP 250 de Doha e Adelaide. Depois ele foi às oitavas no Australian Open e fez quartas nos ATP 500 de Roterdã e Dubai, figurando atualmente no quinto lugar na corrida para o Finals.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis