Notícias | Dia a dia
Puig: 'Meus últimos três anos foram sombrios'
05/03/2020 às 16h46

Puig não venceu torneios após ouro no Rio 2016

Foto: Arquivo

Buenos Aires (Argentina) - Campeã olímpica nos Jogos do Rio em 2016, a porto-riquenha Monica Puig acabou não conseguindo aproveitar a conquista da medalha de ouro para depois deslanchar no circuito. Atual 87 do mundo, a tenista de 26 anos não venceu mais um torneio sequer desde então e conseguiu no máximo o vice-campeonato no WTA de Luxemburgo.

“Meus últimos três anos foram sombrios. Eu não tinha foco, estava envolvida em muitas coisas e negligenciei minha carreira. Não prestei atenção a coisas valiosas ou àquelas que me interessavam e apenas me concentrei no que agradava as outras pessoas”, disse Puig em entrevista ao jornal argentino La Nacion.

“Parei de sair com amigos e familiares e estava sempre ao telefone e lendo comentários nas redes sociais. Prestei atenção demais a eles e mesmo se tivesse quinze mensagens positivas, mas apenas uma negativa, era justamente esta que eu guardava. Isso me afundou”, lamentou a porto-riquenha.

Tentando superar essa fase ruim, Puig quer também levar sua experiência aos mais jovens para mostrar a eles que nem tudo é cor de rosa. Apesar da situação difícil pela qual passou, ela não perdeu o espírito competitivo e a crença em si mesma.

“Quando estou bem, não tenho medo de competir com ninguém. Se você colocar Serena Williams na frente, eu a respeitarei, mas eu me valorizo e sei que posso vencê-la. Eu acredito que, em todos os jogos, tenho alguma chance de ganhar”, observou Puig.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis