Notícias | Dia a dia
Djokovic amplia vantagem sobre Nadal no ranking
02/03/2020 às 08h58

Miami (EUA) - Embora o sérvio Novak Djokovic e o espanhol Rafael Nadal tenham conquistado títulos de ATP 500 na semana passada, o primeiro deles em Dubai e o outro em Acapulco, a diferença entre eles no ranking subiu um pouco mais, uma vez que o canhoto de Mallorca defendia mais pontos nessa semana.

Os 325 pontos de diferença entre eles são agora 370, uma distância que não é muito grande dado que no próximo mês estarão em jogo 2.000 pontos dos Masters 1000 de Indian Wells e Miami, onde os dois têm pouco a defender.

No ano passado, Djokovic venceu apenas um jogo em Indian Wells (45 pontos) e não passou das oitavas em Miami (90), somando 135 pontos nos dois eventos. Por sua vez, Nadal chegou às semifinais na Califórnia (360), mas sequer disputou o torneio na Flórida e ficou com os 360 pontos somados no primeiro dos dois torneios.

Enquanto o sérvio e o espanhol disputam ponto a ponto a liderança do ranking no próximo mês, o integrante suíço do Big 3 corre o risco de cair ainda mais. Ultrapassado pelo austríaco Dominic Thiem nesta segunda, Roger Federer defende 1.600 pontos em Miami e Indian Wells, será fatalmente superado pelo russo Daniil Medvedev e corre o risco também de ver o grego Stefanos Tsitsipas deixá-lo para trás.

Destaques da segunda-feira
Tenistas da nova geração obtiveram avanços no ranking desta segunda-feira e atingiram suas melhores marcas na faixa dos top 100. São os casos dos norte-americanos Taylo Fritz, que foi ao 24º com o vice em Acapulco, e Tommy Paul, que saltou nove postos e foi ao 57º.  O garoto sueco Mikael Ymer é agora o 67º.

Já o experiente Daniel Evans entrou para o top 30 com a semifinal em Dubai e avançou para o 28º, sua melhor marca pessoal.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis