Notícias | Dia a dia
Djoko celebra a virada: 'Estava à beira do precipício'
28/02/2020 às 18h44

Djokovic salvou três match points no duelo contra Monfils na semifinal em Dubai

Foto: Divulgação

Dubai (Emirados Árabes) - Invicto há 20 jogos no circuito e vencedor de todas as 17 partidas que disputou neste início de temporada, Novak Djokovic teve muita dificuldade para manter sua série de vitórias. O número 1 do mundo precisou salvar três match points no duelo contra o francês Gael Monfils pela semifinal do ATP 500 de Dubai.

"Não quero que pareça tão drástico. Mas se eu puder fazer uma comparação, é como se eu estivesse à beira de um precipício", explicou Djokovic após a vitória por 2/6, 7/6 (10-8) e 6/1 contra Monfils. "Quando você enfrenta um match point, sabe que não há caminho de volta. Só resta tentar encontrar uma maneira de sobreviver".

O sérvio segue sem perder para Monfils no circuito, agora com 17 vitórias sobre o francês, mas enalteceu a grande partida do rival. "Foi um jogo difícil. Ele estava mandando todas as bolas de volta. Foi apenas uma daquelas partidas em que você tem que ficar focado até o fim".

"Eu sabia que, se eu conseguisse vencer o segundo set e manter meu saque, eu teria chances. Foi o que aconteceu. Tive oportunidades no 5/4 e 6/5, mas nessa perspectiva, era melhor para mim vencer no tiebreak porque o deixava obviamente mais cansado", acrescentou o número 1 do mundo. "A partir do tiebreak, senti que estava melhorando. Obviamente, no terceiro set, é difícil de avaliar porque ele se machucou no terceiro game do set e não foi nem perto do que ele jogou nas duas primeiras horas".

Na final marcada para o meio-dia (de Brasília) deste sábado, Djokovic encara o grego Stefanos Tsitsipas. O sérvio tem duas vitórias e duas derrotas contra o jovem grego de 21 anos e número 6 do ranking. "Ele é um dos líderes da nova geração. Ele agora se estabeleceu no top 10 do ranking. Ele é um trabalhador, dedicado, um cara muito carismático e muito legal. Ele tem muito talento e muita paixão pelo esporte".

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis