Notícias | Dia a dia
Wawrinka sofre, mas supera estreia em Acapulco
25/02/2020 às 08h38

Acapulco (México) - Não foi fácil a estreia do suíço Stan Wawrinka no ATP 500 de Acapulco. Ele precisou de 2h45 para superar o norte-americano Frances Tiafoe em três sets, com o placar final de 6/3, 6/7 (4-7) e 7/6 (7-1). Foram 35 aces para o vencedor da partida, que salvou todos os nove break-points que encarou, mas que acabou deixando escapar uma parcial no tiebreak.

Cabeça de chave número 3, o suíço terá agora pela frente o vencedor da partida entre o moldávio Radu Albot e o espanhol Pedro Martinez, de 22 anos, que vem embalado após alcançar as quartas de final no Rio Open e com isso bater seu melhor ranking.

Dois norte-americanos vindos do quali se deram bem e mantiveram o embalo na chave principal. Um deles foi Marc Giron, que derrubou o convidado da casa Gerardo Lopez em sets diretos, com parciais de 6/4 e 7/6 (7-3). O outro foi Tommy Paul, que virou para cima do compatriota Mackenzie McDonald com parciais de 6/7 (4-7), 6/4 e 6/4.

Escalado para enfrentar o Brasil na Copa Davis, Alex de Minaur durou pouco no torneio mexicano e parou logo na estreia, superado de virada pelo sérvio Miomir Kecmanovic com parciais de 3/6, 6/4 e 6/3. O conterrâneo de Novak Djokovic tem tudo para encarar na próxima rodada o espanhol Rafael Nadal, que primeiro precisa confirmar o favoritismo contra Pablo Andujar.

Convidado da organização, o britânico Cameron Norrie caiu logo de cara, levando a virada do francês Adrian Mannarino com parciais de 2/6, 6/3 e 6/3. O outro britânico que entrou em quadra nesta segunda-feira, Kyle Edmund, teve melhor sorte e eliminou o espanhol Feliciano López com o placar final de 6/4 e 6/1.

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva