Notícias | Dia a dia
Tsitsipas defende título e Aliassime amarga o 5º vice
23/02/2020 às 11h54

Esta é a primeira vez que Tsitsipas consegue defender um título. Grego agora tem cinco conquistas.

Foto: Divulgação

Marselha (França) - Pela segunda vez em sua carreira profissional, Stefanos Tsitsipas conseguiu defender um título. O grego de 21 anos e número 6 do mundo conquistou o bicampeonato do ATP 250 de Marselha, disputado em quadras duras de cobertas. Tsitsipas venceu neste domingo o canadense Felix Auger-Aliassime, jogador de 19 anos e 18º do ranking, por 6/3 e 6/4 em 1h25 de partida.

Este é o quinto título de ATP na carreira de Tsitsipas e o primeiro na temporada. Além das duas conquistas seguidas em Marselha, o grego também foi campeão em Estocolmo no fim de 2018 e ganhou o torneio do Estoril e o ATP Finals do ano passado.

Por sua vez, Aliassime segue sonhando com seu primeiro título na elite do circuito. O jovem canadense perdeu todas as cinco finais de ATP que disputou e nunca fez um set sequer em nenhuma delas. Na semana passada, ele já havia ficado com o vice em Roterdã, superado pelo francês Gael Monfils. Já em 2019, perdeu finais no Rio de Janeiro, Lyon e Stuttgart.

Enquanto Tsitsipas não perdeu nenhum set no torneio francês, Aliassime teve um início de torneio complicado e salvou cinco match points pelo caminho. Foram dois na estreia contra o italiano Stefano Travaglia e mais três nas oitavas diante do francês Pierre-Hugues Herbert. Este foi o quarto embate entre o grego e o canadense no circuito e cada um venceu duas vezes.

Assim como já havia acontecido na final de Roterdã, no último domingo, Aliassime começou a partida com muitos erros não-forçados e com dificuldades para ameaçar o serviço de Tsitsipas, que vinha confirmando seus games de saque sem riscos. O grego conseguiu a primeira quebra da partida ainda no início e venceu três games seguidos para liderar por 4/1. Ele ainda teve mais uma chance para ampliar a vantagem, mas não aproveitou.

Sacando para o set, Tsitsipas foi ameaçado pela primeira vez e precisou salvar três break points antes de confirmar o serviço e vencer a parcial. O grego praticamente não dava chances ao rival de disputar esses pontos, já que vinha sacando muito bem. Tsitsipas também foi o primeiro a quebrar no segundo set e fez 3/2, Aliassime devolveu a quebra de imediato, mas voltaria a perder o saque logo na sequência. Depois disso, o número 6 do mundo cedeu só mais um ponto em seu serviço e venceu o jogo.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis