Notícias | Dia a dia
Em dia de surpresas, Halep sobrevive e faz semi
20/02/2020 às 16h07

Halep encara algoz de Svitolina e Muguruza na semifinal do torneio em Dubai

Foto: Divulgação

Dubai (Emirados Árabes) - Em uma rodada marcada pelas eliminações de Karolina Pliskova e Garbiñe Muguruza nesta quinta-feira, Simona Halep quase foi pelo mesmo caminho, mas sobreviveu ao dia de surpresas pelo WTA Premier de Dubai. A número 2 do mundo começou atrás no placar contra a bielorrussa Aryna Sabalenka, mas venceu por 3/6, 6/2 e 6/2 em 1h36 de partida.

A vitória serviu como uma revanche para Halep, que havia perdido para Sabalenka no início do ano em Adelaide. A romena agora lidera o histórico de confrontos entre elas por 3 a 1. Campeã em Dubai na temporada de 2015 e dona de 19 títulos no circuito, a experiente jogadora de 28 anos tenta alcançar a 27ª final de sua carreira profissional.

Começo de partida foi difícil para Halep
Sabalenka dominou as ações no início da partida. A bielorrussa de 21 anos e número 13 do mundo cedeu apenas um ponto em seus três primeiros games de serviço e conseguiu rapidamente uma quebra para liderar por 4/2. Halep conseguiu devolver a quebra em um game que a rival não conseguiu colocar tantos primeiros serviços em quadra, mas voltaria a perder o saque depois de cometer quatro erros seguidos.

Depois de fazer apenas dois winners no primeiro set, Halep começou melhor na parcial seguinte e conseguiu duas quebras seguidas para liderar por 4/1 e sustentar sua vantagem no placar.

Cada vez mais confiante, a romena já encontrava respostas para o jogo agressivo de Sabalenka e deu show do fundo de quadra no terceiro set, sendo muito consistente nas trocas de bola. A ex-líder do ranking sequer enfrentou break points na parcial decisiva e consolidou a virada. Ela terminou o jogo com 12 winners contra 17 de Sabalenka, mas cometeu apenas 12 erros enquanto a rival fez 20 no total.

Romena encara algoz de favoritas
Halep enfrenta ao meio-dia (de Brasília) desta sexta-feira a norte-americana Jennifer Brady, que derrotou Muguruza nas quartas e ainda havia tirado a bicampeã Elina Svitolina na estreia. A romena levou a melhor nos dois duelos anteriores contra a rival de 24 anos e 52ª do ranking. Um desses confrontos foi no Australian Open deste ano.

A outra semifinal começa às 10h. Algoz de Pliskova, a cazaque de 20 anos e 19ª do ranking Elena Rybakina terá um confronto inédito contra a croata Petra Martic. Número 15 do mundo, Martic está com 29 anos e avançou na competição depois de superar a estoniana Anett Kontaveit por 7/6 (7-4) e 6/1. Rybakina já disputou três finais no ano e foi campeã em Hobart, enquanto Martic busca a primeira final na temporada e a quinta na carreira.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis