Notícias | Outros
Bia fala pela primeira vez sobre drama do afastamento
19/02/2020 às 19h45

Bia deu a entrevista ao Podcast "Qualé, Moré?". Na foto, ela e Ivan Moré.

Foto: Divulgação

São Paulo (SP) – Beatriz Haddad Maia, que aos 23 anos é a melhor atleta brasileira no ranking da WTA, conta em entrevista ao Podcast “Qualé, Moré?” como foi receber a notícia de que o exame realizado durante um torneio em Bol, na Croácia, tinha testado positivo para o uso de anabólicos do tipo SARM, substância proibida.

Absolvida recentemente após a realização do processo investigativo pela WTA, Bia também falou ao jornalista Ivan Moré, apresentador do podcast, sobre sua rotina de treinos e o acompanhamento psicológico realizados em sua preparação para o retorno às quadras, que acontecerá em maio de 2020.

Em julho de 2019, a tenista recebeu a notificação de que teria sua carreira paralisada durante a realização da investigação. “Você não acredita. Meu sentimento foi passar mal mesmo. Parece que não está acontecendo com você, as pessoas te olham diferente”, conta ela.

Depois desses oito meses sem poder exercer a profissão, sua absolvição foi confirmada pela WTA no dia 10 de fevereiro, após testes realizados em laboratório credenciado pela Agência Mundial Antidoping, no Canadá, apontarem a contaminação de polivitamínicos utilizados pela atleta para o ganho de massa muscular.

A constatação, que absolve a tenista da intencionailidade pelo incidente, trouxe um alívio imediato para a atleta brasileira. “Até você ser absolvida e ter a data de retorno anunciada, mesmo sabendo que é inocente, é muito difícil”, diz.

Na entrevista, na qual revelou os bastidores da situação, Bia Haddad falou ainda sobre as dificuldades em retomar a carreira após as acusações e o longo período longe das quadras, algo como começar do zero para quem joga no mais alto nível.

No momento do afastamento, quando ocupava a 99ª posição no ranking da WTA, ela diz que recebeu muitas mensagens de apoio pelo Instagram e que o suporte dos fãs lhe deu força para provar sua inocência.

Durante a pausa na carreira, a atleta foi impedida de treinar com o aporte dos centros de treinamento e profissionais disponíveis para tenistas de seu nível. Ela contou com a ajuda da família e do namorado Thiago Monteiro, também tenista profissional, para retomar o contato com os patrocinadores e com a imprensa.

A entrevista completa de Bia Haddad a Ivan Moré está disponível nas plataformas digitais de streaming. O Podcast é produzido pela Pod360, o primeiro hub profissional voltado exclusivamente à produção e gestão de podcasts. Para ouvir a entrevista na íntegra clique aqui e acesse o link.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis