Notícias | Dia a dia
Pupilo de Ferrero quer trilhar seu próprio caminho
17/02/2020 às 07h30

Convidado da organização, o espanhol Carlos Alcaraz é treinado pelo ex-número 1 do mundo Juan Carlos Ferrero

Foto: Fotojump
Felipe Priante

Rio de Janeiro (RJ) - Com apenas 16 anos e ocupando a modesta 406º colocação no ranking, o espanhol Carlos Alcaraz fará no Rio Open sua estreia na chave principal de um ATP. Ele irá estrear nesta segunda-feira contra o compatriota Albert Ramos, cabeça de chave número 7, na partida que fecha a rodada noturna da quadra central.

Espanhol mais jovem entre todos os que atualmente figuram no ranking, Alcaraz tem a seu lado um dos grandes nomes da história recente do tênis em seu país, o ex-número 1 do mundo Juan Carlos Ferrero. A experiência do treinador no circuito foi destacada pelo jovem tenista, que garante aprender muito nas conversas com ele.

“Estou com Juan Carlos há um ano e quatro meses e tudo tem corrido muito bem. Ele já foi número 1 do mundo e te passa muitas coisas que outros não conseguem, fala situações que viveu com minha idade e até um pouco mais velho”, contou Alcaraz.

Se o histórico de Ferrero é recebido positivamente pelo jovem atleta, o histórico do tênis espanhol parece não colocar pressão extra. “Não penso em ser sucessor de ninguém, quero treinar cada dia mais e seguir meu caminho passo a passo”, garantiu o convidado da organização, que fará sua segunda aparição em um ATP e a primeira na chave principal

Alcaraz debutou em torneios maiores no ano passado, foi derrotado logo de cara no quali do ATP 500 de Barcelona e apesar do resultado, tirou lições importantes para a carreira. "Eu estava bastante nervoso e isso acabou pesando. Quem tem mais experiência acaba ganhando e aprendi com isso”, comentou o espanhol.

Os primeiros passos no circuito vão trazendo ao tenista de apenas 16 anos experiências novas não apenas dentro de quadra, mas também fora. “Nunca havia estado em uma sala com tantos jornalistas, mas é uma questão de me perguntarem e eu responder”, disse Alcaraz na coletiva de imprensa do Rio Open, a primeira da carreira.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis