Notícias | Dia a dia
Menezes salva match point e bate favorito em Dallas
05/02/2020 às 15h33

Menezes é o primeiro brasileiro a garantir vaga nas oitavas em Dallas

Foto: Arquivo

Dallas (EUA) - Em seu segundo compromisso pelo challenger de Dallas, João Menezes precisou mais uma vez de três sets e, novamente, começou atrás no placar. O número 2 do Brasil e 188º do ranking mundial precisou lutar por 2h19 e salvou um match point contra o australiano Christopher O'Connell, cabeça 6 do torneio e 114º colocado, antes de vencer por 3/6, 6/4 e 7/6 (9-7).

Garantido nas oitavas em Dallas, Menezes vence seu terceiro jogo na temporada. Por ter avançado duas rodadas no torneio, o mineiro já ganha oito pontos na ATP, com possibilidade de fazer 18 pontos se vencer mais uma. O mineiro de 23 anos agora espera pelo vencedor do jogo entre o norte-americano Bradley Klahn e o equatoriano Roberto Quiroz.

Outro brasileiro que luta por vaga nas oitavas é Thomaz Bellucci. O paulista de 32 anos e 330º do ranking atua ainda nesta quarta-feira contra o norte-americano Mitchell Krueger, 166º colocado.

Veja como foi a difícil vitória de Menezes nesta quarta-feira

Menezes não teve um bom início de partida e sofreu duas quebras de serviço durante o primeiro set. Enquanto isso, O'Connell disparou seis aces e perdeu apenas um game de saque. Na parcial seguinte, o australiano colocou apenas 42% de primeiros serviços em quadra e possibilitou que Menezes pudesse ser mais agressivo nas devoluções. O mineiro criou cinco break points e conseguiu duas novas quebras, uma delas no último game do set.

Já no set decisivo, Menezes escapou de um break point quando o placar estava empatado por 2/2 e conseguiu manter o saque. Já no oitavo game, o mineiro quebrou o serviço do adversário e ficou a um game da vitória. Sacando para o jogo, o número 2 do Brasil não aproveitou a chance que teve e permitiu a reação do rival. No game seguinte, o australiano disparou três aces para empatar a disputa. O'Connell ainda salvou um match point com ótimo saque quando perdia por 6/5.

Menezes começou em vantagem no tiebreak depois de vencer um longo rali contra o adversário, sustentando uma troca de slices, e abriu 3-1. Firme do fundo de quadra, o brasileiro foi ampliando sua vantagem e chegou a abrir 5-2. Depois de cometer uma dupla-falta e um erro com o forehand, permitiu que o rival encostasse no placar. 

Em seu segundo match point tentou fazer saque e voleio, mas jogou a bola na rede. Pouco depois foi a vez de O'Connell ficar muito perto da vitória, mas o mineiro apostou na solidez do fundo de quadra para reverter a situação, salvar um match point e vencer os últimos pontos a partida.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis