Notícias | Dia a dia
Ivanisevic e Conchita vão ingressar na Hall da Fama
27/01/2020 às 23h53

Ivanisevic desaba na quadra ao bater Rafter na final de 2001 de Wimbledon

Foto: Arquivo

Newport (EUA) - O Hall da Fama anunciou nesta segunda-feira que Goran Ivanisevic, ex-número 2 do mundo, será admitido como integrante da classe de 2020 no próximo dia 18 de julho. “Esta é uma grande honra. Tenho orgulho e humildade de me tornar o primeiro croata no Hall da Fama do Tênis”, disse Ivanisevic. “Sou grato ao comitê por me selecionar para esta honra e muito grato aos fãs que me apoiaram pelo voto e por toda a minha carreira, especialmente a muitos grandes fãs na Croácia. Estou honrado e animado por me tornar um Hall da Fama.”

Ivanisevic, que integra atualmente a equipe de Novak Djokovic, dono de 16 títulos de Grand Slam, era um grande jogador no estilo de saque-voleio, tendo ganhado 22 títulos e 599 partidas no circuito profissional.

Em 2001, como número 125 do mundo, Ivanisevic realizou um sonho em Wimbledon. Como convidado, eliminou três ex ou futuros n° 1 do mundo a caminho de triunfar na batalha de cinco sets com Patrick Rafter na final. Este foi seu primeiro e único título de Grand Slam. Ivanisevic também é bicampeão olímpico, tendo ganhado a medalha de bronze em simples e duplas em 1992.

Stan Smith, presidente do Hall da Fama do Tênis Internacional, falou sobre a indução de Ivanisevic e da espanhola Conchita Martinez. "Estamos empolgados em receber Goran Ivanisevic e Conchita Martínez no Hall da Fama", disse Smith. "Por suas realizações em quadra e a maneira como jogaram, representaram seus países e o nosso esporte, eles estão sem dúvida entre os melhores dos melhores e merecem a honra final do tênis."

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis