Notícias | Dia a dia | Australian Open
Atual campeão, Djokovic tem Federer em sua chave
16/01/2020 às 06h49

Melbourne (Austrália) - Nesta quinta-feira, o sérvio Novak Djokovic conheceu seu caminho para a tentativa de defesa do título do Australian Open. Cabeça de chave número 2 do torneio, ele não terá uma das estreias mais tranquilas, encarando o alemão que voleia Jan-Lennard Struff logo na primeira rodada em Melbourne. Será a segunda vez que se enfrentam e o tenista de Belgrado triunfou nas duas.

Contudo, o sorteio não colocou grandes dificuldades para o sérvio nas fases seguintes e o nome mais perigoso que pode pintar pela frente nas três primeiras rodadas é o do britânico Daniel Evans, 30º favorito na competição. A situação só deve complicar mesmo a partir das quartas de final, quando adversários duros já devem aparecer.

A lista de perigos para ‘Nole’ nas quartas é comandada pelo grego Stefanos Tsitsipas, sexto pré-classificado, que abre campanha contra o italiano Stefano Caruso e pode encarar o perigoso alemão Philipp Kohlschreiber na segunda rodada. Correndo por fora neste pedaço da chave estão Roberto Bautista, Benoit Paire, Milos Raonic e Marin Cilic.

Federer cruza com Djokovic em eventual semi

Se chegar na semifinal, o atual número 2 do mundo pode encarar um duelo de titãs com o suíço Roger Federer, cabeça de chave número 3, que ficou também na metade de baixo da chave, deixando o espanhol Rafael Nadal e o russo Daniil Medvedev do outro lado, podendo reeditar a final do último US Open na semi. Por lá também ficou o austríaco Dominic Thiem, quinto favorito.

Federer é amplo favorito na estreia contra o norte-americano Steve Johnson, contra quem já jogou duas vezes e venceu ambas. Os oponentes das rodadas iniciais não devem assustar tanto, embora o bom saque do polonês Hubert Hurcakz possa dar trabalho na terceira fase. Dificuldade mesmo só a partir das oitavas, quando dois adversários bem complicados podem surgir pela frente.

Um deles é o canadense Denis Shapovalov, cabeça de chave 13, o outro é o búlgaro Grigor Dimitrov, que vem recuperando aos poucos seu melhor tênis e figura em Melbourne como o 18º favorito. Chegando às quartas, o suíço pode encarar nomes como Guido Pella, Fabio Fognini, Borna Coric, Sam Querrey e Matteo Berrettini.

Comentários