Notícias | Dia a dia
López supera rodada dupla difícil e vence Fognini
15/01/2020 às 10h54

Millman conseguiu uma importante vitória em cima do cabeça 3 Khachanov e está nas quartas

Foto: ATP

Auckland (Nova Zelândia) - O veterano Feliciano López mostrou que ainda tem fôlego de sobra para encarar o circuito. Número 61 do ranking aos 38 anos, o canhoto ganhou uma dura partida de estreia diante do espanhol Pablo Andujar, com virada de 3/6, 7/6 (7-4) e 6/4, e voltou depois à quadra para avançar às quartas de final do ATP 250 de Auckland, com outra reação espetacular, desta vez em cima do cabeça 1, o italiano Fabio Fognini.

"O primeiro jogo do dia foi duro, mas me ajudou muito porque afinal era o primeiro da temporada", afirmou López, que deveria ter jogado na véspera mas a chuva adiou boa parte da programação. "Sem esse ritmo que peguei, não teria achado um jeito de derrotar Fognini". O espanhol disparou nada menos que 17 aces na vitória.

Seu adversário agora será o embalado polonês Hubert Hurkacz, que somou a quinta vitória do ano ao superar o quali sueco Mikael Ymer, por 6/2 e 7/6 (7-2). Número 34 do mundo e 16 anos mais jovem que López, o polonês fez ótimas partidas na ATP Cup, incluindo uma grande atuação diante do austríaco Dominic Thiem.

A nova geração colocou mais nomes nas quartas de final. O canadense Denis Shapovalov teve jogo duro mas passou pelo compatriota Vasek Pospisil, 6/4 e 7/6 (7-2), e jogará contra o novato francês Ugo Humbert. Mas o russo Karen Khachanov, cabeça 3, voltou a decepcionar e permitiu virada do local John Millman, por 4/6, 6/3 e 6/3. O australiano enfrentará o francês Benoit Paire, algoz de Thiago Monteiro.

Duas vezes campeão em Auckland, o gigante John Isner jogou dois tiebreaks antes de superar o também norte-americano Tennys Sandgren, parciais de 7/6 (7-3), 6/7 (1-7) e 6/3, e encara agora o britânico Kyle Edmund.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis