Notícias | Dia a dia
Francês é suspenso por 4 anos após manipular resultado
14/01/2020 às 16h22

Francês assumiu que recebeu 1.500 euros para manipular resultado

Foto: Reprodução/ATP

Londres (Inglaterra) - O francês de 25 anos Jonathan Kanar está suspenso do tênis por quatro anos e meio e receberá uma multa de US$ 2 mil. A pena foi imposta pela Tennis Integrity Unit (TIU) após o jogador admitir ter manipulado o resutado de uma partida.

O jogo em questão aconteceu em torneio de nível future no Zimbábue, em junho de 2017. Após a investigação da TIU, Kanar confirmou que recebeu 1.500 euros para manipular o resultado, além de também assumir a culpa por não ter comunicado a tentativa de suborno às autoridades.

O oficial independente de audiência anticorrupção Charles Hollander analisou o caso e impôs a sanção. O período de suspensão foi retroativo para ser aplicado a partir de 11 de julho de 2019 e significa que Kanar está proibido de competir ou estar presente em qualquer evento sancionado, organizado ou reconhecido pelos órgãos governamentais do esporte durante a proibição.

Atualmente, o jogador de 25 anos não aparece no ranking da ATP. A melhor marca de sua carreira é o 427º lugar, alcançado em janeiro de 2019. Ele figura apenas na 1.494ª posição do ranking de profissionais da ITF.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis