Notícias | Dia a dia
Grand Slam e federações doam US$ 400 mil à Austrália
13/01/2020 às 19h33

Melbourne (Austrália) - A uma semana do início do Australian Open, a Federação Internacional de Tênis (ITF) anunciou uma doação de US$ 400 mil para a recuperação da Austrália após a série de incêndios florestais que assolaram o país nos últimos meses. A doação foi feita em conjunto com os organizadores dos Grand Slam, com o All England Club e as federações nacionais da França e dos Estados Unidos.

Esses fundos serão arrecadados pela campanha Aces for Bushfire Relief da Tennis Australia e serão doados à Cruz Vermelha Australiana. A instituição é uma das principais organizações humanitárias que fornece ajuda e apoio a áreas devastadas do país. A organização está apoiando milhares de pessoas em centros de evacuação e ajuda, ajudando a reunir famílias e fornecendo treinamento, equipamento e coordenação logística para voluntários e outros trabalhadores humanitários.

Nas últimas semanas, diversos tenistas fizeram doações individuais para a Austrália. Serena Williams destinou toda a premiação conquistada pelo título do WTA de Auckland. A número 1 do mundo Ashleigh Barty também doou o prêmio obtido no Premier de Brisbane. Australianos como Nick Kyrgios e Samantha Stosur também lançaram campanhas relacionadas ao número de aces que fizeram na semana. No domingo a ATP, em nome dos jogadores, doou US$ 500 mil para as vítimas dos incêndios.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis