Notícias | Dia a dia | ATP Cup
Djoko brilha na dupla e Sérvia fatura a ATP Cup
12/01/2020 às 11h09

Djokovic se juntou a Viktor Troicki e comemorou mais uma vitória neste domingo

Foto: Divulgação

Sydney (Austrália) - Horas depois de marcar uma importante vitória em simples para manter a equipe da Sérvia viva na disputa pelo título da ATP Cup, Novak Djokovic voltou à quadra e também foi decisivo na partida de duplas. O número 2 do mundo se juntou a Viktor Troicki e definiu o confronto contra a Espanha ao superar Feliciano López e Pablo Carreño Busta por 6/3 e 6/4.

Djokovic teve desempenho perfeito na competição. O jogador de 32 anos venceu todos os seis jogos de simples e mais dois de duplas que fez pela competição. Com isso, deverá receber 750 pontos no ranking da ATP e diminuir a diferença para o atual líder do ranking Rafael Nadal.

Algoz de Nadal neste domingo, Djokovic vinha de vitórias difíceis nos duelos contra Canadá e Rússia pelas quartas e semifinais, quando o sérvio derrotou Denis Shapovalov e Daniil Medvedev. Ele também bateu Kevin Anderson, Gael Monfils e o chileno Cristian Garin, além de ter sido fundamental na vitória contra a França nas duplas, ainda pela fase de grupos.

Troicki consegue a redenção
A vitória também acaba sendo especial para Troicki. O experiente atleta de 33 anos e herói na conquista da Copa Davis de 2010 havia sido o vilão da eliminação sérvia na última Davis. Em novembro do ano passado, quando a fase final da competição foi disputada em Madri, Troicki não jogou bem no duelo decisivo de duplas contra a Rússia e assumiu a culpa pela eliminação. Na ocasião, toda a equipe sérvia fez questão de perdoar o colega.

Logo no início da partida, Troicki cometeu um erro junto à rede que custou uma quebra de serviço para a Espanha. Mas aos poucos, a Sérvia conseguia estabelecer um domínio na partida. Com grandes devoluções de Djokovic, os sérvios conseguiram vencer cinco games seguidos no fim do primeiro set. Já na parcial seguinte, Djokovic e Troicki mostraram entrosamento e erravam pouquíssimo. Eles conseguiram uma quebra logo cedo e sustentaram a vantagem.

Nadal ficou fora da decisão nas duplas
Já a Espanha não pôde contar com Rafael Nadal para a partida decisiva nas duplas. O número 1 do mundo justificou sua ausência por conta do desgaste acumulado nos últimos dias. Ele já havia disputado seis jogos de simples e mais dois de duplas, com direito a um confronto duríssimo contra a Bélgica nas quartas de final.

Nova competição entre países no calendário do circuito masculino, a ATP Cup reuniu 24 seleções desde o dia 3 de janeiro e passou por três sedes diferentes na Austrália. Desde a última quinta-feira, quando começaram as quartas de final, todos os jogos estão sendo disputados em Sydney. Na primeira fase, os sérvios jogaram em Brisbane e os espanhóis em Perth.

Comentários