Notícias | Dia a dia
Para Barty, desempenho nas devoluções custou caro
09/01/2020 às 14h48

Barty não teve nenhum break point na partida desta quinta-feira em Brisbane

Foto: Divulgação

Brisbane (Austrália) - Eliminada ainda na rodada de estreia do WTA Premier de Brisbane, Ashleigh Barty falou sobre a surpreendente derrota sofrida nesta quinta-feira. A número 1 do mundo caiu diante da norte-americana vinda do quali Jennifer Brady, 53ª do ranking e acredita que o mau desempenho nos games de devolução foi determinante para o resultado final.

"Para mim, o principal problema foram os games de devolução", disse Barty, após a derrota por 6/4 e 7/6 (7-4). "Eu, provavelmente, não consegui colocar em quadra uma meia dúzia de devoluções de saque naquele primeiro set. E então, a Jen ganhou confiança. Você precisa dar crédito onde é devido".

Barty sofreu somente uma quebra de serviço na partida, mas sequer teve a oportunidade de criar um break point no serviço de sua adversária. A australiana liderou a estatística de winners por 25 a 15, mas terminou a partida com 16 erros não-forçados contra apenas sete de Brady, que agora enfrenta a tcheca Petra Kvitova.

"Mas esse foi o único aspecto da partida em fiquei um pouco decepcionada comigo mesma. Fiquei um pouco decepcionada com a execução desses golpes", explica a líder do ranking, que ainda segue em Brisbane para jogar duplas ao lado da holandesa Kiki Bertens. Depois, ela disputará o WTA de Adelaide.

"Nada realmente muda na minha preparação para Adelaide", comenta a australiana. "Essa é uma das coisas mais bonitas do tênis. Na próxima semana, você sempre tem a chance de se recuperar. Espero que em Adelaide eu consiga executar meu jogo um pouco melhor".

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis