Notícias | Dia a dia
Britânicos avançam; canadenses e belgas aguardam
07/01/2020 às 13h46

Sydney (Austrália) - A terça-feira foi de definição na ATP Cup, com metade dos grupos sendo concluídos. Já garantidos na próxima fase, os anfitriões australianos terminaram na liderança do Grupo F com 100% de aproveitamento, vencendo os três confrontos que tiveram e todas as nove partidas que disputaram.

Também avançaram na competição os russos, que terminaram na primeira colocação do Grupo D, vencendo os três confrontos travados até então, e os britânicos, líderes do Grupo C com duas vitórias e uma derrota.

Seguem com chances de classificação os canadenses e os belgas, que terminaram na segunda posição em seus grupos e ainda sonham com as duas vagas para os dois vice-líderes com melhores campanhas. Destas equipes, a Bélgica é a que está em situação mais confortável, já que teve desempenho superior ao do Canadá.

Os belgas venceram o duelo com os búlgaros, graças ao triunfo da dupla formada por Sander Gille e Joran Vliegen, que bateu Grigor Dimitrov e Alexandar Lazarov de virada, com parciais de 3/6, 6/4 e 10-7. Esse resultado não apenas garantiu a sobrevivência do time, como também eliminou os rivais, que terminaram em terceiro no Grupo C.

Contudo, tanto os belgas como os canadenses ainda podem ficar de fora dependendo dos resultados de quarta-feira, quando serão definidos os grupos A, B e E. Uma das equipes que pode superar ambas é a perdedora do embate entre Japão e Espanha, que chegam invictas à última rodada. Austríacos, sul-africanos e franceses correm por fora na disputa.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis