Notícias | Dia a dia
Ar preocupa e Djokovic cobra regras durante AO
05/01/2020 às 12h05

Brisbane (Austrália) - O impacto dos devastadores incêndios na Austrália, que acontecem justamente no momento em que os circuitos da ATP e da WTA estão por lá, é uma preocupação para o sérvio Novak Djokovic. Após vencer em sua estreia na ATP Cup, o atual número 2 do mundo revelou estar aflito com a condição do ar que podem ter pela frente no Australian Open.

“Acredito que farão de tudo para não atrasar nada, mas essas condições podem afetar a saúde dos jogadores e acho que devemos levar isso em consideração. Se as condições continuarem as mesmas e a qualidade do ar em Melbourne for afetada, acho que a Tennis Australia será forçada a criar regras para que as partidas não aconteçam em condições ruins”, afirmou.

Djokovic disse estar acompanhando a situação a cada dia e vendo como as cosias se desenvolvem. “Ainda falta algum tempo para o Australian Open e há muitas coisas envolvidas além apenas do jogo, mas a saúde é uma preocupação minha e de todos os demais”, observou o tenista de Belgrado, que lembrou de questões semelhantes já discutidas no conselho dos jogadores.

O sérvio contou que os tenistas já falaram sobre má qualidade do ar, buscando alternativas em alguns torneios chineses. "Só que desta vez é uma coisa diferente, é algo que nunca aconteceu antes. Espero que tudo se dissipe", acrescentou Djokovic, que lamentou bastante todo o ocorrido até então na Austrália.

“Em primeiro lugar, é muito triste ver tudo o que está acontecendo, só de estar aqui você percebe a extensão da situação. Mas obviamente é perigoso e temos que ver em que momento isso se torna prejudicial para a saúde”, finalizou o sérvio.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis