Notícias | Dia a dia
Lesão no joelho pode tirar Konta do Australian Open
22/12/2019 às 09h13

Konta terminou a temporada na 12ª posição do ranking, mas não joga desde o US Open

Foto: Arquivo

Londres (Inglaterra) - A número 12 do mundo Johanna Konta corre o risco de não disputar o Australian Open, que começa no dia 20 de janeiro. Em entrevistas aos jornais The Guardian e Telegraph, a britânica de 28 anos afirmou ter uma lesão no joelho, que já há incomoda há quase um ano. Foi por esse motivo, inclusive, que ela encerrou sua temporada de 2019 logo após o US Open.

"Eu espero estar no avião no dia 30 de dezembro, indo para Brisbane", disse Konta. "Foi esse o voo que eu reservei, mas não estou me dando prazos. Estou planejando jogar em Brisbane, Adelaide e Melbourne, e tenho esperança de estar pronta, mas preciso ouvir meu corpo", explicou a britânica.

"Sinto essa lesão no joelho desde a primeira semana do ano, em Brisbane, quando venci a [Sloane] Stephens", afirmou a ex-número 4 do ranking. "Isso me impediu de estar no mais alto nível em Sydney e no Australian Open, onde joguei um jogo muito longo contra a Garbiñe [Muguruza]".

"Juntamente com minha equipe de médicos e fisioterapeutas, lidei bem com a lesão ao longo do ano. Isso é algo muito complicado, pois houve momentos em que a dor era notável, mas em outros, nem tanto", comenta a experiente jogadora, que conseguiu 37 vitórias e 16 derrotas em 2019, com destaque para a semifinal de Roland Garros.

"Depois que fui eliminada do US Open, decidi parar por algumas semanas para ver como meu joelho estava evoluindo", comenta a britânica, que chegou às quartas em Nova York. "Eles fizeram mais testes e viram que eu tinha uma espécie de tendinite. Fiz a reabilitação tentando voltar às quadras em Moscou ou em Zhuhai. Mas, finalmente, decidi não forçar e tirar umas férias para começar melhor a próxima temporada".

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis