Notícias | Dia a dia
Toni lembra treinos para moldar caráter de Rafa
16/12/2019 às 12h08

Madri (Espanha) - Um dos responsáveis por levar o espanhol Rafael Nadal a uma série de conquistas e também ao topo do mundo, o tio e treinador Toni Nadal resolveu se afastar do circuito anos atrás e se dedicar a novas empreitadas, entre elas trabalhar com jovens tenistas na Rafa Nadal Academy. Ele também vem dando palestrar motivacionais, contando suas histórias ao lado do sobrinho.

Em uma delas, Toni lembrou dos treinos duros aos quais submeteu Rafa ainda durante sua formação. “Por muitos anos eu o fiz treinar com bolas em más condições, quadras horríveis e alargava o treinamento indefinidamente porque eu estava interessado em fortalecer seu caráter. Não poderia ser tão duro com alguém que não tivesse estima”, disse.

O ex-técnico de Nadal também lembrou de uma passagem de quando o sobrinho tinha 15 anos. “Viajei com ele e outro garoto para um torneio e colocaram os dois ao mesmo tempo, fiquei acompanhando Rafa à distância e ele estava sendo um desastre, perdendo de 5/0 para um adversário que não era muito bom”, contou o tio Toni.

“Um amigo, ex-jogador, veio me avisar que Rafa estava jogando com uma raquete quebrada. Aproximei-me da pista e disse que estava com uma raquete quebrada. Ele então olhou para a raquete e só então percebeu que estava quebrada. A partir de então ele melhorou muito, mas acabou perdendo por 6/0 e 7/5”, disse o treinador.

Toni ainda rememorou a conversa que teve com Nadal no fim daquela partida. “Perguntei para ele como era possível não ter percebido que a raque testava quebrada. Sua resposta foi essa: 'Estou tão acostumado a ter sempre a culpa, que não poderia ter imaginado que a raquete era a culpada por me fazer perder’”.

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva