Notícias | Dia a dia
Aliassime acredita que possa levar o ouro olímpico
11/12/2019 às 13h46

Montréal (Canadá) - O jovem canadense Felix Auger-Aliassime mostrou ter planos ousados para a próxima temporada. Em entrevista ao Journal de Montréal, ele colocou a disputa dos Jogos Olímpicos de Tóquio como uma das prioridades para 2020 e ainda falou que tem capacidade de brigar pela medalha de ouro na competição.

“Federer e Djokovic ainda não conquistaram uma medalha de ouro. Se eu pudesse ganhar um ouro nas Olimpíadas seria a maior conquista possível, exceto os torneios de Grand Slam. Esse seria o cenário dos sonhos”, falou o canadense de 19 anos, que atualmente ocupa a 21ª colocação no ranking da ATP.

“Para mim é um sonho que vai além do tênis. Você se junta a uma multidão maior e interage com mais pessoas. Lembro-me de ter visto muitas partidas, não apenas tênis, mas de muitos outros esportes. Andar na cerimônia de abertura com os outros canadenses seria ótimo”, acrescentou Aliassime.

Sobre os demais objetivos para a temporada o canadense novamente falou em conquistas. "Quero buscar meu primeiro, mas sei que não será fácil”, observou o vice-campeão do Rio Open em 2019, sua primeira final da carreira. Aliassime também alcançou mais duas decisões na temporada que passou, ficando com o vice também em Lyon e Stuttgart.

“Shapovalov conquistou seu primeiro título de simples no final do ano (em Estocolmo). Mesmo para um jogador de alta qualidade como ele não é fácil”, disse Aliassime, que espera também fazer campanhas boas nos Grand Slam. “Quero tentar chegar em quartas de final e semifinais. Não estabeleço nenhum limite, em todos os torneios em que jogo eu entro para ganhar", encerrou.

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva