Notícias | Dia a dia
Jogador que não venceu ponto é agente de apostador
10/12/2019 às 08h55

Doha (Qatar) - Um dos casos mais bizarros do tênis profissional começa a ganhar explicação. Responsável por perder uma partida no quali do future de US$ 15 mil de Doha, na última segunda-feira, sem vencer um ponto sequer, o ucraniano Artem Bahmet foi identificado como agente de um apostador, que conseguiu entrar na competição por este ter vagas abertas e ainda não preenchidas no classificatório.

Segundo informa o Punto de Break, a história de Bahmet foi descoberta através de fóruns e divulgada por um usuário do Twitter. Aparentemente, Bahmet é o agente de um apostador conhecido que conseguiu entrar na chave de um torneio menor. O apostador publicou mensagens no fórum rindo da situação.

Ele explica que o agente mal sabe as regras do tênis e estava pegando em uma raquete pela primeira vez. O apostador publicou também várias capturas de tela com as apostas feitas contra seu agente, sabendo que ele não ganharia um único ponto.

“As apostas neste jogo serviram para pagar a viagem a Doha para duas pessoas e uma semana de estadia em um excelente hotel. Durante toda a semana, Mont e Artem estarão no torneio e darão previsões diretamente das quadras e na próxima semana jogarão novamente nas fases prévias e apostarão contra si mesmos ", disse uma das mensagens.

"Em resumo, eu estraguei o sistema", complementou o apostador, que reforça o fato de Bahmet tentar competir novamente na próxima semana, podendo assim tirar proveito dele e continuar a ganhar dinheiro nas casas de apostas.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis