Notícias | Dia a dia
Determinada, Gauff diz que nunca pensa em perder
01/12/2019 às 09h37

Nova York (EUA) - Sensação da temporada, a norte-americana de apenas 15 anos Coco Gauff teve um 2019 de enorme destaque. Tudo começou em Wimbledon, onde furou o quali, entrou pela primeira vez na chave principal de um Grand Slam e logo em sua estreia derrubou a experiente e vencedora Venus Williams na primeira rodada, avançando depois até as oitavas de final.

Gauff continuou brilhando, colecionou vitórias e conquistou seu primeiro título como profissional no WTA de Linz, onde perdeu na última rodada do classificatório, entrou como lucky-loser e então não perdeu mais, deixando pelo caminho rivais do porte de Kiki Bertens (quartas), Andrea Petkovic (semi) e Jelena Ostapenko (final).

“Esta temporada foi como uma montanha russa que não parou em momento algum. Agora está a começando a acalmar por ser o final de ano e o começo da pré-temporada”, analisou a jovem norte-americana, que com a conquista entrou pela primeira vez no top 100, terminando o ano na 68ª colocação.

Apesar da pouca idade, a norte-americana se mostra determinada a ter sucesso. “Sem dúvida que foi um grande ano para mim, olhando para trás é surpreendente tudo o que vivi, mas em momento algum me lembro de entrar em quadra e pensar que ia perder, não é a mentalidade correta para essas ocasiões. Em cada dia esperava e desejava a vitória”, disse Gauff.

“Neste ano estabeleci muitas metas, o que me pressionou bastante. Em 2020 vou marcar objetivos de uma forma mais inteligente, sem estar pendente do ranking ou da ronda de um torneio. Simplesmente quero melhorar”, acrescentou a tenista, que completará 16 anos em março do ano que vem.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis