Notícias | Dia a dia
ATP produziu 54 milionários só na atual temporada
27/11/2019 às 14h03

Nova York (EUA) - A escalada nas premiações dos torneios do circuito masculino nos últimos anos está deixando cada vez mais jogadores milionários. Só na temporada que se encerrou com a disputa do ATP Finals e depois da Copa Davis, 54 tenistas conseguiram somar pelo menos US$ 1 milhão em prêmios.

Campeão de Roland Garros e do US Open, além de ajudar a Espanha a vencer a Davis pela sexta vez, Rafael Nadal terminou 2019 como o maior premiado somando US$ 16.349.586. Logo atrás do número 1 do mundo, assim como no ranking, aparece o sérvio Novak Djokovic, que com as conquistas do Australian Open e de Wimbledon faturou US$ 13.372.355.

Os dois foram os únicos a superar a marca dos US$ 10 milhões na última temporada, sendo que mais quatro faturaram mais do que US$ 5 milhões: o suíço Roger Federer (US$ 8.716.975), o austríaco Dominic Thiem (US$ 8.000.223), o russo Daniil Medvedev (US$ 7.902.912) e o grego Stefanos Tsitsipas (US$ 7.488.927).

A lista vai até o francês Jo-Wilfried Tsonga, 54º que mais faturou na temporada com seus US$ 1.059.095. Até mesmo duplistas como os colombianos Juan Sebastian Cabal e Robert Farah, que possuem premiações bem inferiores aos jogadores de simples, conseguiram terminar 2019 com mais de US$ 1 milhão na conta. Cada um levou para casa US$ 1.390.028.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Roland-Garros winner and @wta year-end No.1 : @ashbarty 🎾🏆 #rolandgarros #throwback 📸 C.Dubreuil/FFT #paris #Barty #australia #grandslam #wta #tennis

Uma publicação compartilhada por Roland-Garros (@rolandgarros) em

WTA teve 44 milionárias em 2019

Não foi apenas no tênis masculino que as premiações dispararam nos últimos anos. A temporada da WTA também foi generosa nas premiações e fez 44 milionárias, dez a menos que entre os homens. Líder do ranking, campeã do WTA Finals e de Roland Garros, a australiana Ashleigh Barty puxa a lista com seus US$ 11.307.587 faturados neste ano.

Barty foi a única a superar a barreira dos US$ 10 milhões na temporada, sendo que mais cinco conseguiram somar pelo menos US$ 5 milhões: a romena Simona Halep (US$ 6.962.442), a japonesa Naomi Osaka (US$ 6.788.282), a canadense Bianca Andreescu (US$ 6.504.150), a ucraniana Elina Svitolina (US$ 6.126.335) e a tcheca Karolina Pliskova (US$ 5.138.077). A alemã Julia Goerges fecha a lista na 44ª colocação com US$ 1.006.212.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva