Notícias | Copa Davis
Shapovalov e Aliassime tentam repetir feito de Nadal
23/11/2019 às 17h19

Aliassime e Shapovalov fizeram parte da equipe campeã da Copa Davis Júnior em 2015

Foto: Martin Sidorjak/ITF

por Mário Sérgio Cruz

Jogadores mais jovens da equipe canadense na final da Copa Davis, Denis Shapovalov e Felix Auger-Aliassime voltam ao palco de uma das conquistas mais importantes durante os tempos de circuito juvenil. Eles fizeram parte do time campeão da Copa Davis Júnior de 2015, que também foi disputada na Caixa Mágica, em Madri. De quebra, podem repetir um feito de Rafael Nadal entre os jogadores campões da competição entre juvenis e profissionais.

O Canadá decide a Copa Davis neste domingo, ao meio-dia (de Brasília) contra Espanha ou Grã-Bretanha. Já a Davis Júnior é disputada por jogadores de até 16 anos. Shapovalov é o atual número 15 do mundo aos 20 anos, enquanto Aliassime tem apenas 19 anos e aprece no 21º lugar do ranking.

A equipe juvenil em 2015 ainda contava com Benjamin Sigouin. Atualmente com 20 anos, ele aparece apenas na posição de número 600 do ranking da ATP. Já o time profissional do Canadá, que está na decisão em 2019, ainda tem em quadra o experiente jogador de 29 anos Vasek Pospisil, ex-número 25 do mundo e atualmente na 150ª posição do ranking.

A final juvenil daquele ano foi disputada contra a Alemanha, e no saibro. Shapovalov derrotou Marvin Moeller por 6/1 e 6/4, mas depois Aliassime perdeu por duplo 6/3 para Nicola Kuhn (que atualmente defende a Espanha). Nas duplas, Aliassime e Shapovalov venceram Khun e Moeller por 6/3, 3/6 e 6/2. Aliassime ainida faria parte do time vice-campeão da Davis Júnior em 2016.

Nadal já ganhou a Davis como juvenil e profissional
Oito jogadores já venceram a Copa Davis como juvenis e profissionais. O caso mais expressivo é de Rafael Nadal. O espanhol foi vencedor na categoria de base em 2002 e fez parte de equipes campeãs da Davis em 2004, 2009 e 2011. Parceiro de Nadal no juvenil em 2002, Marcel Granollers foi campeão entre os profissionais em 2008.

O caso mais recente de jogadores campeões nas categorias é do britânico Kyle Edmund, em 2011 no juvenil e em 2015 entre os profissionais. Outros nomes que já conseguiram esse feito são o australiano Todd Woodbridge, o russo Yevgeny Kafelnikov, o francês Nicolas Escude e os espanhóis Albert Costa e Tommy Rebredo.

Canadenses duelaram em Madri neste ano
Ainda em 2019, Shapovalov e Aliassime chegaram a se enfrentar na mesma Caixa Mágica, pela primeira rodada do Masters 1000 de Madri. Aliassime venceu a partida por 6/2 e 7/6 (9-7), antes de cair diante de Rafael Nadal na rodada seguinte.

Comentários