Notícias | Copa Davis
Canadá faz 1ª final em 106 anos e tenta título inédito
23/11/2019 às 13h22

Shapovalov e Pospisil definiram a vitória canadense nas duplas

Foto: Divulgação

Madri (Espanha) - O Canadá deu mais um passo em busca do título inédito na Copa Davis e garantiu vaga na final da competição. Assim como já havia acontecido nas quartas de final contra a Austrália, os canadenses definiram a semifinal diante da Rússia apenas no jogo de duplas e venceram a série por 2 a 1. Vasek Pospisil e Denis Shapovalov venceram Andrey Rublev e Karen Khachanov por 6/3, 3/6 e 7/6 (7-5).

A série havia começado com uma vitória de Rublev sobre Pospisil. Número 23 do mundo, o russo marcou um duplo 6/4 contra o atual 150º colocado. Já o duelo entre Shapovalov e Khachanov foi mais equilibrado. Atual 15º do ranking, o canadense venceu o russo, 17º, por 6/4, 4/6 e 6/4.

Esta é a melhor campanha do Canadá em 106 anos na Copa Davis. A equipe também havia alcançado uma final em 1913, logo em sua primeira participação, e perdeu para os Estados Unidos. Naquela época, entretanto, ainda existia o chamado Challenge Round, em que a equipe norte-americana superou o time britânico (campeão no ano anterior) para ficar com o título. Já os russos foram bicampeões em 2002 e 2006.

O Canadá agora espera pela segunda semifinal, que será disputada ainda neste sábado entre Espanha e Grã-Bretanha. Canadenses e espanhóis já se enfrentaram duas vezes, com uma vitória para cada lado. Já a equipe britânica venceu os dois duelos anteriores contra o time da América do Norte.

Durante a semana, Shapovalov e Pospisil disputaram todas as partidas de simples e duplas para o Canadá. Opção para o time, Felix Auger-Aliassime sofreu uma lesão no tornozelo esquerdo e desistiu de alguns torneios na reta final da temporada para estar à disposição na Davis. Ele acompanha a equipe em Madri, embora ainda não tenha entrado em quadra nesta semana.

Aos 29 anos, Pospisil tem agora 12 vitórias em simples e mais dez nas duplas pela Copa Davis. O canhoto Shapovalov é mais jovem. O jogador de apenas 20 anos venceu dez jogos de simples e comemorou sua segunda vitória nas duplas. Outro dado curioso é que Shapovalov e Aliassime foram campeões da Copa Davis Júnior, também disputada na Caixa Mágica em Madri, no ano de 2015.

Comentários