Notícias | Copa Davis
Murray sofre, mas vence após quase 3h de batalha
20/11/2019 às 10h25

Madri (Espanha) - Não foi nada fácil para o britânico Andy Murray alcançar sua primeira vitória nas finais da Copa Davis. Ele abriu a série contra a Holanda, nesta quarta-feira, e teve que suar bastante a camisa, levando 2h54 para derrubar Tallon Griekspoor de virada, com parciais de 6/7 (7-9), 6/4 e 7/6 (7-5).

Duas das três parciais foram definidas apenas no tiebreak, ambas durando mais de uma hora. No primeiro set, a única chance de quebra esteve nas mãos de Murray, que deixou escapar a oportunidade no oitavo game e acabou se dando mal. A decisão foi para o tiebreak, em que o britânico perdeu um set-point, salvou também um, mas não resistiu ao segundo.

Murray iniciou sua recuperação logo na largada do segundo set, conseguindo a primeira quebra do jogo. Griekspooor até chegou a empatar em 3/3, mas logo em seguida voltou a perder o saque e depois disso bastou ao britânico administrar a vantagem até o final para deixar tudo igual e levar a decisão para a terceira parcial.

Atual 179 do mundo, o holandês voltou a assustar e chegou a abrir 4/1 no terceiro set. Murray devolveu o break de desvantagem no sétimo game e no 11º teve a chance de repetir o feito e sacar para o jogo em seguida, mas Griekspoor se salvou e forçou novo tiebreak. Desta vez o escocês fez valer a experiência e mesmo perdendo os dois primeiros pontos da disputa, levou a melhor e selou a virada.

Comentários