Notícias | Dia a dia
ATP oficializa troca de SP por Santiago no calendário
19/11/2019 às 21h22

Estádio Nacional de Santiago deverá ser o palco da disputa do ATP chileno

Foto: Arquivo

Santiago (Chile) - Como já foi antecipado nas últimas semanas, a ATP anunciou nesta terça-feira que Santiago irá substituir São Paulo no calendário de elite do circuito mundial. A capital paulista sediou o Brasil Open entre 2012 e 2019. Antes disso, o evento ainda foi relizado na Costa do Sauípe de 2001 a 2011.

Em fevereiro de 2020 o Chile voltará a receber um ATP depois de seis anos. A última competição deste nível no país foi em Viña del Mar. Já a capital Santiago recebeu um torneio da elite do circuito pela última vez em 2011. Alternando entre as duas cidades, o país teve torneios da ATP entre 1993 e 2014.

O novo torneio na capital chilena será organizado em conjunto entre a promotora local SACS, que já realiza três challengers no país, e a Octagon, que é dona da data no calendário do circuito. Já os organizadores do Brasil Open pretendem mudar o formato do evento em 2020. A previsão é de que a capital paulista receba um torneio no fim de novembro

"A ATP nos deu a oportunidade de desenvolver um torneio em Santiago, o que é muito empolgante", disse Catalina Fillol, que foi nomeada diretora do torneio. "O Chile merece eventos esportivos de alto nível e estávamos focados em recuperar esse evento há bastante tempo".

"Contaremos com o apoio dos patrocinadores para realizar um evento de primeira classe, como sempre foi. O Chile hoje tem ótimos jogadores, ótimos fãs e uma longa tradição de torneios, que nos permite sermos otimistas para o desafio que temos pela frente", acrescentou a executiva.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis