Notícias | Copa Davis
Nadal bate Khachanov e vence 25ª seguida na Davis
19/11/2019 às 21h51

Nadal não perde uma partida de simples pela Copa Davis desde 2004

Foto: Divulgação

Madri (Espanha) - Líder do ranking mundial, Rafael Nadal entrou em quadra nesta terça-feira pela Copa Davis com a obrigação de vencer e cumpriu seu objetivo. A Espanha precisava de um triunfo de seu principal jogador para não ser derrotada pela Rússia em plena Caixa Mágica, em Madri. Nadal derrotou o 17º do ranking Karen Khachanov por 6/3 e 7/6 (9-7) em 2h09.

A vitória de Nadal foi de fundamental importância para que a Espanha vencesse o confronto com a Rússia por 2 a 1. A série começou com Andrey Rublev superando Roberto Bautista Agut no tiebreak do terceiro set. A disputa foi definida apenas no jogo de duplas. O time da casa contou com Feliciano López e Marcel Granollers, que venceram Rublev e Khachanov por 6/4 e 7/6 (7-5).

A Rússia tinha a chance de se classificar antecipadamente para as quartas de final da Davis caso tivesse vencido o confronto contra a Espanha. Na última segunda-feira, os russos haviam vencido a Croácia, atual campeã de Davis por 3 a 0. Espanhóis e croatas se enfrentam a partir das 14h (de Brasília) desta quarta-feira na última rodada do Grupo B em Madri. A fase final da Davis é disputada por 18 países. Classificam-se para as quartas de final os seis campeões de grupo e mais os dois melhores segundos colocados.

Espanhol mantém sua invencibilidade na Davis
Nadal conquista sua 25ª vitória consecutiva em jogos de simples pela Copa Davis. O espanhol de 33 anos tem apenas uma derrota pela competição, sofrida ainda em sua estreia, para o tcheco Jiri Novak em 2004. Desde então, venceu todos os jogos de simples que disputou pelo torneio entre países.

Por sua vez, Khachanov tem agora sete vitórias e cinco derrotas em partidas de simples pela Copa Davis. O russo de 23 anos vem de uma difícil vitória sobre Borna Coric em três sets, conquistada na última segunda-feira em Madri.

Nadal não teve o serviço quebrado na partida
Desde os primeiros games, Nadal já vinha pressionando o saque de Khachanov. Muito eficiente em suas devoluções, o espanhol criou break points nos três primeiros games de serviço do russo e aproveitou uma dessas chances para já abrir vantagem e liderar por 4/1. O número 1 do mundo só enfrentaria um break point ao longo do primeiro set.

Khachanov correu menos riscos no saque durante o segundo set. Com 80% de primeiros serviços em quadra, o russo confirmou quatro games com apenas quatro pontos perdidos. Nadal também vinha mantendo o saque sem sustos até o momento em que perdia por 4/3 e fez uma dupla-falta que permitiu um break point ao russo, mas o espanhol conseguiu evitar a quebra e ganhou confiança. O número 1 do mundo teve uma chance de quebrar logo no game seguinte, mas o Khachanov foi agressivo durante o break point e fechou a porta.

A definição do set ficou para o tiebreak e Nadal já começou em vantagem, depois de sustentar um rali com 19 trocas de bola até o erro não-forçado do rival, mas Khachanov também venceu um ponto longo na sequência para igualar a disputa. Nadal chegou a liderar o tiebreak por 3-1 após um ótimo backhand, mas perdeu três pontos seguidos. Já Khachanov permitiu o empate por 4-4 após um erro. Nadal conseguiu manter o saque e teve um match point, salvo pelo russo combinando um bom saque e um forehand na segunda bola. Pouco depois, o espanhol salvou um set point com um saque no meio, sem chance para a devolução do rival. O número 1 do mundo então venceu um ponto longo e contou com erro do rival para fechar o jogo.

Comentários