Notícias | Dia a dia
Campeã, Stefani terá marca histórica nas duplas
17/11/2019 às 08h58

Stefani conquistou três torneios importantes desde julho e deu salto para o top 70 do ranking

Foto: Divulgação

Houston (EUA) - A paulista Luisa Stefani conquistou na noite deste sábado seu sétimo título da temporada em duplas e nesta segunda-feira alcançará o 67º posto do ranking, tornando-se a brasileira com mais alta classificação desde a criação do sistema matemático da Associação Feminina, em 1975. Até então, a marca pertencia à baiana Patrícia Medrado, que foi 68ª em 1987.

Stefani se juntou desta vez à australiana Ellen Perez para conquistar o torneio de US$ 162 mil que aconteceu em Houston. Em rodada dupla, elas superaram na final a canadense Sharon Fichman e a japonesa Ena Shibahara, com parciais de 1/6, 6/4 e 10-5.

"Foram dois bons jogos hoje, no primeiro jogamos muito limpo, bem melhor que ontem, sacamos super bem", contou Stefani, referindo-se à rodada dupla que precisou encarar no sábado. "No segundo, as meninas começaram fortes, ninguém imaginava que iríamos reagir para ganhar o título. Melhoramos nas devoluções e isso fez a diferença. E no match-tiebreak, tivemos um momento muito bom".

Brasileira radicada nos EUA desde os 15 anos, Luísa treina atualmente na Saddlebrook Tennis Academy, na Flórida. Ela entrou no torneio como 74ª colocada. "Muito legal esse feito de entrar para as top 70 com mais esta conquista. Mas tem muito mais chão pela frente, motiva muito mais para seguir subindo e colocar o sarrafo mais alto".

Nesta temporada, Stefani conquistou também o WTA de Tashkent, o torneio de US$ 100 mil de Ikley, o US$ 60 mil de Colina e outros três torneios de US$ 25 mil. Ela ainda disputará na próxima semana a chave de duplas de Naples, na Flórida, antes de encerrar a temporada.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis