Notícias | Dia a dia
Stefani é finalista no Chile e tenta defender título
08/11/2019 às 17h26

Stefani foi campeã na edição passada e defende 80 pontos no ranking

Foto: Arquivo

Colina (Chile) - Principais cabeças de chave no ITF de US$ 60 mil de Colina, no saibro chileno, Luisa Stefani e a norte-americana Hayley Carter garantiram vaga na final da competição. Elas venceram nesta sexta-feira a grega Despina Papamichail e a argentina Nadia Podoroska por 6/2 e 6/3.

A parceria de Stefani e Carter vive bom momento no circuito. Elas conquistaram um título de WTA em Tashkent, foram vice-campeãs em Seul e alcançaram a semifinal nas quadras duras e cobertas de Luxemburgo.

Brasileira mais bem colocada no ranking de duplas da WTA, ocupando o 75º lugar, Stefani está em busca de uma vaga no Australian Open de 2020. Ela precisa precisa defender 80 pontos nesta semana, já que foi campeã na edição passada ao lado da norte-americana Quinn Gleason. As três vitórias no Chile já garantem a defesa de 50 pontos.

As adversárias de Stefani e Carter na final podem ser a cazaque Anna Danilina e a suíça Conny Perrin ou a alemã Katharina Gerlach e a norueguesa Melanie Stokke.

Outra brasileira em quadra nesta sexta-feira foi Gabriela Cé, que atuou nas quartas de final de simples. A canhota gaúcha de 26 anos e 243ª do ranking perdeu para a italiana Elisabetta Cocciaretto, 215ª colocada, por 6/3 e 6/1. Por ter vencido dois jogos no torneio, Cé faz 15 pontos no ranking e se aproxima de sua melhor marca, que foi o 221º lugar. Ela iniciou a temporada apenas na 472ª colocação. 

Ingrid cai nas quartas nos EUA - A carioca Ingrid Martins foi eliminada nas quartas de final de duplas do ITF de US$ 25 mil de Malibu, na Califórnia. Na quinta-feira à noite, Ingrid e a norte-americana Pamela Montez perderam para a anfitriã Lorraine Guillermo e a polonesa Anna Hertel por 6/2 e 6/4.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis