Notícias | Dia a dia
Marcação eletrônica falha feio no Next Gen Finals
07/11/2019 às 15h09

Milão (Itália) - Uma situação bastante curiosa marcou a quinta-feira no Next Gen Finals. A tecnologia que faz as marcações das linhas, substituindo os juízes, foi colocada contra a parede graças a um desafio de vídeo feito pelo sérvio Miomir Kecmanovic na vitória sobre o espanhol Alejandro Davidovich por 4/1, 4/1 e 4/3 (8-6).

Ainda no primeiro set da partida, o sistema não marcou uma bola fora de Davidovic que o sérvio jogou para ao rebater. Prontamente ele questionou a juíza de cadeira, que alegou que a bola bateu em sua raquete antes de pingar fora. Kecmanovic pediu então o desafio de vídeo para comprovar que estava certo.

Depois de alguma espera, ficou comprovado não apenas que a bola havia quicado fora de quadra, mas também que o sérvio só a golpeou depois que já havia tocado o solo, comprovando assim a falha na marcação eletrônica, que não acusou a bola fora. Ao ver o lance, a juíza de cadeira reconheceu o erro na marcação e deu o ponto a Kecmoanovic.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis