Notícias | Dia a dia
Svitolina espera continuar sacando bem na final
02/11/2019 às 15h19

Shenzhen (China) - A ucraniana Elina Svitolina continua imbatível no WTA Finals, chegando neste sábado à sua nona vitória seguida na competição. Atual campeã do evento, ela contou com a desistência da suíça Belinda Bencic para superar a primeira semifinal do dia e terá agora pela frente a número 1 do mundo, a australiana Ashleigh Barty.

“Amanhã será a última partida da temporada, mal consigo imaginar isso. Vou deixar tudo de mim em quadra e lutar por mais um título”, comentou a ucraniana, que saiu atrás e perdeu seu primeiro set nesta edição do torneio, mas buscou a reação e já vencia com parciais de 5/7, 6/3 e 4/1 quando Bencic anunciou a desistência.

Leia mais: Barty vira para cima de Pliskova e vai decidir o Finals

Para a decisão de domingo às 8h30 (horário de Brasília), Svitolina espera repetir o grande desempenho que teve com o saque. “Não é fácil enfrentar uma adversária lesionada e acho que foi duro para ela dentro de quadra. Fiz uma partida boa, consegui 16 aces, o que é um recorde para mim e algo muito positivo. Espero continuar assim para a final”.

Bencic lamenta não poder ter terminado o jogo

Impedida de seguir na partida por problemas físicos, Bencic explicou o ocorrido. “Comecei a sentir cãibras no pé e depois nos isquiotibiais. Eu realmente não queria desistir e tentei até quando pude. Busquei me apoiar no serviço, sem ter que disputar ralis mais longos, mas não foi o suficiente. Queria terminar a partida, mas não deu”, lamentou a suíça.

“Dou todo o crédito a Elina, que fez a coisa certa e procurou trocas longas. Ela tem uma grande vantagem nesse tipo de quadra e já mostrou isso no ano passado”, destacou Bencic, que perderá uma colocação no ranking após o WTA Finals, sendo ultrapassada justamente por Svitolina.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis