Notícias | Dia a dia
Thiem: 'Vencer os dois ATPs austríacos é irreal'
27/10/2019 às 17h59

Grandes amigos, Schwartzman e Thiem fizeram uma final equilibrada e de bom nível em Viena

Foto: ATP

Viena (Áustria) - Vencer em casa sempre tem um gosto especial, imagine então ganhar os dois maiores torneios de seu país num espaço de três meses. O austríaco Dominic Thiem teve muito o que comemorar neste domingo ao conquistar o ATP 500 de Viena.

"Foi um ano incrível para mim aqui na Áustria, tendo ganhado os títulos em Kitzbuhel e Viena. É bem verdade que tive algumas dificuldades para mostrar meu melhor jogo nesses dois torneios ao longo do tempo, mas agora conquistar os dois na mesma temporada parece irreal para mim".

Primeiro tenista a levantar cinco troféus em 2019, ele chegou a 16 conquistas na carreira. Superou três viradas nesta semana e isso o deixa na condição de jogador que mais venceu partidas no terceiro set nesta temporada, com 12 vitórias e apenas duas derrotas.

"Dividir a quadra na final diante de um camarada que é um amigo muito próximo é uma maneira ainda mais especial de ganhar esse título", afirmou sobre o argentino Diego Schwartzman. "Sempre tive problemas para enfrentá-lo porque ele simplesmente não erra. Se eu jogo rápido ou mais lento, sempre tem uma resposta adequada. Acho que eu soube aproveitar o fator torcida".

Apesar do vice, Schwartzman se diz satisfeito. "Recuperei a confiança novamente", garante. "Depois do primeiro set que venci, ele jogou de forma muito agressiva e foi melhor que eu". O argentino sobe para o 14º lugar no ranking da temporada e ainda tem esperança de chegar ao top 10 e ao Finals de Londres.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis