Notícias | Dia a dia
Stefani e Pigossi sobem no ranking de duplas da WTA
21/10/2019 às 19h22

Luisa Stefani assume o melhor ranking da carreira nas duplas

Foto: Arquivo

Miami (EUA) - As duas brasileiras mais bem colocadas no ranking de duplas na WTA tiveram boas notícias nesta segunda-feira. Luisa Stefani e Laura Pigossi ganharam posições após bons resultados nas últimas semanas.

Semifinalista do WTA de Luxemburgo ao lado da norte-americana Hayley Carter, Stefani fez 110 pontos no ranking e ganhou cinco posições. Isso foi o suficiente para que a paulistana de 22 anos superasse seu recorde pessoal e assumisse a condição de número 75 do mundo.

Já Laura Pigossi recebeu os primeiros 50 pontos pelas duas conquistas de ITF W25 na Nigéria nas últimas semanas, ao lado da indiana Rutuja Bhosale. Com isso, a paulista de 25 anos ganhou 14 posições e assume o 148º lugar. Pigossi vai subir ainda mais na semana que vem, quando outros 50 pontos forem computados.

Em simples, a própria Pigossi também deu um bom salto, já que foi vice-campeã do torneio nigeriano encerrado há sete dias. Ela recuperou 96 posições e agora é a número 432 do mundo. Outra que subiu bem foi Thaísa Pedretti, finalista em Claremont, na Califórnia, e que saltou 73 posições para assumir a 415ª colocação. Esta é a melhor marca da carreira da paulista de 20 anos.

Por outro lado, a gaúcha Gabriela Cé perdeu espaço. A número 2 do Brasil caiu 32 posições e ficou com o 261º lugar. Principal jogadora do país, Beatriz Haddad Maia aparece na 107ª posição do ranking. A paulista de 23 anos está suspensa preventivamente pela ITF depois de testar positivo para duas substâncias anabolizantes em exame antidoping. Bia ainda aguarda julgamento, que determinará sua sentença.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis