Notícias | Dia a dia
Rublev e Cilic duelam na semi, Khachanov é eliminado
18/10/2019 às 17h32

Rublev é o único russo entre os semifinalistas em Moscou

Foto: Arquivo

Moscou (Rússia) - As esperanças da torcida russa em ver mais um jogador da casa conquistar o título do ATP 250 de Moscou estão depositadas em Andrey Rublev. O jovem jogador de 21 anos e número 31 do mundo é o representante da casa entre os semifinalistas do torneio em quadras duras e cobertas.

Rublev avançou na competição depois de vencer o lucky-loser sérvio Nikola Milojevic, 164º colocado, por 6/2 e 6/3. Atualmente com o melhor ranking da carreira, o russo já disputou três finais de ATP. Seu único título na elite do circuito foi conquistado em julho de 2017, no saibro de Umag.

O adversário de Rublev na semifinal deste sábado será o croata Marin Cilic, experiente jogador de 31 anos e bicampeão do torneio. Eles já se enfrentaram duas vezes, com uma vitória para cada lado. O reencontro acontece por volta das 13h (de Brasília).

Cilic, ex-número 3 do mundo e atual 25º colocado, avançou em Moscou ao derrotar o francês Jeremy Chardy por 6/4, 4/6 e 7/6 (7-2) em longa partida com 2h21 de duração. Vencedor do US Open de 2014 e dono de 18 títulos no circuito, o croata busca a 33ª final da carreira. Ele já triunfou em Moscou nos anos de 2014 e 2015.

Quem se despediu do torneio foi o campeão do ano passado Karen Khachanov. Segundo cabeça de chave e número 8 do mundo, o russo de 23 anos perdeu para o italiano Andreas Seppi por 3/6, 6/3 e 6/3. Seppi, veterano de 35 anos e 72º do ranking, já foi campeão em Moscou em 2012, ano em que venceu o brasileiro Thomaz Bellucci na final. Seu adversário às 11h deste sábado será o canhoto francês Adrian Mannarino, que bateu o sérvio Dusan Lajovic por 7/6 (7-3) e 6/1.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis