Notícias | Dia a dia
Felipe cai e argentinos decidem o torneio do Rio
12/10/2019 às 18h35

Tomas Etcheverry busca seu maior título

Foto: Rafael Pignataro/Divulgação

Rio de Janeiro (RJ) - Depois de uma ótima sexta-feira, o paulista Felipe Meligeni Alves não se encontrou em quadra e foi facilmente superado pelo argentino Tomas Etcheverry nas semifinais do Torneio Internacional Masculino de Tênis - Ano IV, evento válido pelo ranking mundial e que oferece premiação de US$ 25 mil nas quadras de saibro do Country Club. O placar foi de 6/2 e 6/2.

A decisão às 11 horas deste domingo será totalmente argentina, já que na segunda semifinal o cabeça 1 Christian Lindell, carioca que joga sob bandeira sueca, foi obrigado a desistir ainda no primeiro set devido a problemas físicos. Nesse momento, Sebastian Baez liderava por 5/2. Lindell já havia sofrido espasmos musculares na rodada dupla de sexta-feira e abandonado a chave de duplas.

Com 20 anos, Etcheverry é atualmente o número 413 do ranking, pouco pior do que seu recorde pessoal, que foi o 402º. Este pode ser o título mais significativo de sua curta carreira. Neste ano, ele venceu dois futures de US$ 15 mil e no ano passado havia conquistado mais dois, sempre sobre o saibro.

Campeão juvenil de Roland Garros do ano passado, Baez é uma das grandes apostas do tênis argentino. Aos 19 anos, ocupa ainda o 529º posto entre os profissionais. Faz uma temporada de ascensão, tendo vencido três futures de US$ 15 mil, todos na terra batida.

O Torneio Internacional Masculino de Tênis - Ano IV tem o patrocínio de Itaú e EMS através da Lei de Incentivo ao Esporte/Ministério da Cidadania/Secretaria Especial do Esporte. A realização é do Instituto Esperança do Amanhã, com chancela da Federação Internacional de Tênis, Confederação Brasileira de Tênis e da Federação Carioca de Tênis.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis