Notícias | Dia a dia
Stefani joga quali de WTA em Luxemburgo, Golovin volta
11/10/2019 às 20h32

Stefani precisa vencer três jogos para entrar na chave principal

Foto: Arquivo

Luxemburgo (Luxemburgo) - Brasileira mais bem colocada no ranking de duplas da WTA, ocupando o 79º lugar, Luisa Stefani terá a oportunidade de disputar um torneio de simles pela elite do circuito. Ela está no qualificatório para o WTA de Luxemburgo e precisa vencer três jogos para entrar na chave principal do torneio em quadras duras e cobertas.

Stefani estreia neste sábado por volta do meio-dia (de Brasília). A paulistana de 22 anos e 551ª do ranking encara a veterana tcheca Renata Voracova, ex-top 60 e atualmente apenas 715ª colocada aos 36 anos.

Se vencer, Stefani pode enfrentar a norte-americana Varvara Lepchenko ou a alemã Katharina Hobgarski. Já a sérvia Nina Stojanovic, 98ª do mundo e cabeça 1 do quali, poderia pintar na rodada final da fase classificatória.

Uma vitória no quali de simples em Luxemburgo vale 10 pontos no ranking da WTA. Quem vencer dois jogos receberá 14 pontos e quem passar pelas três rodadas levará 18 pontos além do que conquistar na chave principal do torneio.

Ainda não foi sorteada a chave de duplas do torneio em que Stefani mais uma vez deverá atuar ao lado da norte-americana Hayley Carter. A parceria conquistou um título de WTA em Tashkent há duas semanas e também disputou uma final em Seul. Nesta semana atuaram em Linz e caíram na estreia.

Outra atração do quali é a francesa Tatiana Golovin, jogadora de 31 anos e ex-número 12 do mundo. Afastada do circuito desde 2008, quando anunciou uma precoce aposentadoria aos 20 anos, Golovin decidiu voltar a jogar profissionalmente. Sua estreia no quali de Luxemburgo será contra a eslovena de 18 anos e número 134 do mundo Kaja Juvan.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis