Notícias | Dia a dia
Felipe Alves vence no Rio, Fabiano volta e avança
10/10/2019 às 20h21

O sobrinho de Fernando Meligeni é o segundo principal favorito e teve estreia tranquila no Rio

Foto: Rafael Pignataro/Divulgação

Rio de Janeiro (RJ) - Depois de mais algumas horas de espera devido à insistente chuva, enfim o campineiro Felipe Meligeni Alves pode ir à quadra para marcar sua estreia no Torneio Internacional Masculino de Tênis - Ano IV. O cabeça 2 superou Mateus Alves, em duelo da nova geração, por 6/3 e 6/1, e volta à quadra do Rio de Janeiro Country Club nesta sexta-feira para enfrentar outro garoto, o carioca Christian Oliveira.

Uma das surpresas do complemento da primeira rodada foi o retorno vitorioso de Fabiano de Paula ao circuito profissional. Ele, que já foi 208º do mundo e estava há quase dois anos sem jogar torneios de simples, encontrou ótimo ritmo para superar o peruano Pedro Iamachkine, por 6/2 e 6/1. Terá agora pela frente o canhoto gaúcho Rafael Matos, que superou por 6/1 e 6/3 o argentino e cabeça 8 Facundo Acosta.

Quem passar entre eles, pode cruzar com o cabeça 1, o carioca que joga como sueco Christian Lindell. Ele tirou José Pereira por duros 7/6 (7-5) e 6/4, e jogará contra o argentino Thiago Tirante, responsável pela queda de Pedro Boscardin, por 5/7, 6/1 e 6/2.

Outro duelo de oitavas de final que promete emoções envolverá o local Wilson Leite e o argentino Sebastian Baez. O campeão juvenil de Roland Garros do ano passado superou o convidado Eduardo Taiguara, por 6/2 e 6/1.

Nas outras partidas da longa rodada, o paulista Igor Marcondes superou o argentino Francisco Comesana, por duplo 6/2, e o jovem pernambucano João Lucas Reis acabou eliminado pelo argentino e cabeça 7 Matias Zukas, em partida de dois dias e placar de 6/3, 3/6 e 6/4. Em duelo nacional, André Miele ganhou de Gilbert Klier, parciais de 4/6, 6/4 e 6/2.

O Torneio Internacional Masculino de Tênis - Ano IV tem o patrocínio de Itaú e EMS através da Lei de Incentivo ao Esporte/Ministério da Cidadania/Secretaria Especial do Esporte. A realização é do Instituto Esperança do Amanhã, com chancela da Federação Internacional de Tênis, Confederação Brasileira de Tênis e da Federação Carioca de Tênis.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis