Notícias | Dia a dia
Monteiro vence duelo nacional e faz quartas
10/10/2019 às 17h49

Monteiro superou Gutierrez nesta quinta-feira em Santo Domingo

Foto: Arquivo

Santo Domingo (República Dominicana) - Em uma quinta-feira com dois duelos nacionais pelas oitavas de final do challenger de Santo Domingo, Thiago Monteiro foi o primeiro brasileiro a garantir vaga nas quartas de final do torneio disputado em quadras de har-tru (saibro verde). Monteiro confirmou o favoritismo diante de Oscar Gutierrez com parciais de 6/3 e 7/5 em 1h42 de partida.

Por ser o cabeça de chave número 4 do torneio, Monteiro entrou diretamente na segunda rodada em Santo Domingo. Na última terça-feira, ele estreou vencendo o anfitrião Victor Estrella Burgos, em jogo que encerrou a carreira profissional do dominicano de 39 anos.

O próximo adversário de Monteiro virá da partida entre o espanhol Mario Vilella Martinez, 181º do ranking, e o chileno Alejandro Tabilo, 224º colocado. Número 1 do Brasil e 106 do ranking mundial, o cearense de 25 anos jamais enfrentou um dos dois possíveis adversários.

A campanha até as quartas já rende 25 pontos na ATP a Monteiro, que precisaria descartar apenas oito pontos de seu 18º e último resultado válido para o ranking. Além disso, o canhoto de Fortaleza só defende mais 29 pontos até o fim do ano. Se for semifinalista, ele fará 45 pontos. A melhor marca de sua carreira foi o 74º lugar, alcançado no início de 2017.

Veja como foi a vitória de Monteiro

Monteiro fez um primeiro set muito seguro em seus games de serviço, já que sequer enfrentou break points e cedeu apenas quatro pontos quando colocou o primeiro saque em quadra. A única quebra de toda a parcial foi obtida ainda no início, no único break point que o cearense teve e possibilitou que ele liderasse por 3/1.

O saque de Monteiro foi muito mais ameaçado no segundo set. O cearense fez quatro duplas-faltas e reduziu muito seu índice de primeiro serviço em quadra, de 72% para 54%. Mais vulnerável, o cearense acabou vencendo só metade dos pontos disputados com seu segundo serviço, 12 em 24 possíveis e enfrentou oito break points.

O momento mais delicado foi quando Gutierrez vencia por 5/4 e encarou três set points. O número 1 do Brasil encaixou dois ótimos saques e sequer permitiu ao adversário disputar os pontos. Em sua terceira chance de fechar o set, Gutierrez cometeu um erro em um longo rali. As oportunidades perdidas custaram caro ao gaúcho, que não teria novas chances de quebra e perderia o saque logo no game seguinte, facilitando o trabalho para o cearense vencer em sets diretos.

Gutierrez sobe no ranking, Menezes e Clezar duelam
Superado por Monteiro nesta quinta-feira, Gutierrez venceu dois jogos em Santo Domingo. Uma dessas vitórias foi sobre o sérvio Pedja Krstin, cabeça 14 do torneio e 199º do ranking. O gaúcho de 26 anos e 390º colocado garante dez pontos na ATP e deve se aproximar de seu recorde pessoal, que foi a 368ª colocação, obtida em setembro deste ano. Três das quatro vitórias em challenger na carreira de Gutierrez foram obtidas em 2019. Também na atual temporada, ele venceu 38 jogos de nível future e conquistou três títulos.

Ainda nesta quinta-feira, outro duelo nacional decide um classificado para as quartas de final. O jovem mineiro de 22 anos João Menezes, número 208 do mundo, enfrenta o gaúcho Guilherme Clezar, jogador de 26 anos e 368º colocado. Clezar vem embalado depois de eliminar o cabeça 3 argentino Leonardo Mayer. O encontro entre os dois é inédito no circuito profissional.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis