Notícias | Dia a dia
Thiem sai do sufoco, vira e chega à 5ª final do ano
05/10/2019 às 09h24

Thiem marca primeiro bom resultado desde a virose que o atingiu no Masters do Canadá

Foto: Arquivo

Pequim (China) - O austríaco Dominic Thiem ficou nas cordas, mas conseguiu reagir a tempo e assim se classificou para a final do ATP 500 de Pequim. O cabeça 1 virou em cima do russo Karen Khachanov, por 2/6, 7/6 (7-5) e 7/5, e aguarda o vencedor entre Alexander Zverev e Stefanos Tsitsipas.

Campeão em Indian Wells em março, Thiem buscará o segundo grande troféu sobre quadra sintética da temporada e o quarto da carreira sobre superfície dura (venceu Acapulco em 2016 e São Petersburgo no ano passado). Ele soma agora 24 finais na carreira, com 14 títulos. Neste ano, já venceu também em Barcelona e Kitzbuhel e foi vice em Roland Garros.

Com a campanha, Thiem está definitivamente classificado para o Finals de Londres ao lado de Rafael Nadal, Novak Djokovic, Roger Federer e Daniil Medvedev. Será sua quarta participação consecutiva no evento que encerra a temporada. Em caso de título, ele também poderá subir seu total de pontos para 4.825 e ficar apenas 140 atrás de Medvedev no ranking.

A vitória sobre Khachanov foi extremamente difícil. O russo foi muito mais consistente e agressivo no primeiro set, tirando três serviços de Thiem. Na outra série, sofreu quebra no quinto game, mas embalou com três consecutivos e sacou com 5/4 para liquidar a partida.

Só então começou a reação do austríaco, que conseguiu grandes lances com o backhand para levar ao tiebreak. Abriu vantagem de 4-2, mas viu Khachanov virar perigosamente para 5-4. Outra vez os golpes de base funcionaram e Thiem levou ao terceiro set.

O russo saiu na frente de novo, com quebra logo de cara. Thiem reagiu no sexto game, virou para 4/3 com alguma dificuldade e então pareceu ganhar confiança. Firme no saque e nas devoluções, enfim finalizou com golpes muito poderosos de forehand.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis