Notícias | Dia a dia | US Open
Nadal e Djokovic disputarão o número 1 na Ásia
08/09/2019 às 22h56

Espanhol reduziu bastante a diferença para o sérvio

Foto: Arquivo

Nova York (EUA) - O título de Rafael Nadal no US Open e a precoce eliminação de Novak Djokovic nas oitavas de final irão intensificar a disputa pela liderança do ranking mundial. O próximo torneio com presença dos dois rivais será o Masters 1000 de Xangai, a partir de 6 de outubro. Mas antes disso, o sérvio disputará o ATP 500 de Tóquio.

Nadal vai reduzir bastante a diferença para Djokovic. O sérvio tinha 11.685 pontos, mas só defendeu 180 dos 2 mil que terá descontados na próxima segunda-feira. Assim, ficará com 9.865. Já Nadal começou o torneio com 7.945 e defendia 720 de semi do ano passado. Ele irá a 9.225 pontos.

O espanhol não defende mais pontos até o fim do ano, já encerrou precocemente a última temporada por lesões no joelho direito e no músculo abdominal. Por sua vez, o sérvio terá 2.600 pontos a defender nos próximos meses. O sérvio foi campeão no Masters 1000 de Xangai e ficou com o vice em Paris e também no ATP Finals.

Outro referencial na disputa para saber quem termina o ano como número 1 é a corrida por uma vaga no Finals. Considerando apenas os resultados obtidos em 2019, Nadal chegará a 9.225 pontos, enquanto o sérvio estaciona em 7.265.

Comentários