Notícias | Dia a dia | US Open
Medvedev vence jogo polêmico e provoca a torcida
31/08/2019 às 01h22

Russo encarou ambiente hostil no duelo com López e provocou após a partida

Foto: Divulgação

Nova York (EUA) - Em uma partida marcada por polêmicas, Daniil Medvedev levou a melhor sobre Feliciano Lopez e garantiu vaga nas oitavas de final do US Open. Número 5 do mundo, o russo foi advertido por sua conduta em quadra e comprou briga com a torcida, mas conseguiu vencer com parciais de 7/6 (7-1), 4/6, 7/6 (9-7) e 6/4 em 3h19 de partida.

Campeão do Masters 1000 de Cincinnati há duas semanas, Medvedev vive o melhor momento da carreira. O jovem jogador de 23 anos teve uma ótima preparação para o US Open, já que também foi finalista em Washington e Montréal. Dessa forma, já acumula nove vitórias seguidas e sofreu só duas derrotas nos últimos 19 jogos.

Os problemas entre Medvedev, o público e o árbitro Damien Dumusois começaram quando o primeiro set estava empatado por 5/5. O russo foi ríspido ao retirar a toalha das mãos de um dos boleiros e acabou sendo advertido por violar o código de conduta em quadra. Irritado, o jogador discutiu com o árbitro com o indicador em riste e depois exibiu o dedo médio, gesto que não foi percebido pelo árbitro de cadeira, mas foi captado pela transmissão de TV e exposto no telão do estádio.

Dumusois chamou Medvedev para conversar e esclareceu que ele não poderia dar uma segunda punição ao jogador pelo gesto obsceno apenas com base nas imagens de TV. O público vaiou demais o russo e abraçou de vez o espanhol. Dono de um cada vez mais raro estilo de jogo de saque e voleio, o veterano de 37 anos e 61º do ranking ganhava ainda mais a simpatia da torcida com suas jogadas de efeito.

Antes do incidente, López esteve perto de fechar o primeiro set, já que liderou o placar por 5/3, sacou para fechar e até teve dois set points que não aproveitou. Medvedev foi superior na reta final do set, confirmando o saque de zero quando perdia por 6/5 e dominando o tiebreak. O segundo set teve apenas uma quebra, obtida por López ainda no game de abertura. O espanhol sequer enfrentou break points durante a parcial.

O terceiro set foi de completo domínio dos sacadores e disputado em altíssima intensidade. O público empurrava demais o espanhol, especialmente no tiebreak, mas um erro em uma disputa na rede custou caro. O ambiente parecia um pouco menos hostil ao russo no quarto set, especialmente depois que ele conseguiu uma quebra de serviço e rumou para a vitória.

Mas após a partida, Medvedev aproveitou a breve entrevista em quadra para provocar a torcida. "Foi a energia de vocês que me fez vencer a partida de hoje. Se não fosse por vocês, eu provavelmente perderia o jogo, porque eu estava muito cansado e senti câimbras na última partida. Quero que todos saibam, quando forem dormir hoje à noite, que eu ganhei por causa de vocês. Toda essa energia que vocês me deram hoje vai me abastecer pelos próximos cinco jogos. Quanto mais vocês fizerem isso, mais eu vou vencer".

Garantido nas oitavas de final, Medvedev enfrentará o alemão vindo do quali e 118º do ranking Dominik Koepfer, que derrotou o cabeça 17 georgiano Nikoloz Basilashvili por 6/3, 7/6 (7-5), 4/6 e 6/1. Amplo favorito na partida, o russo tem boas chances de chegar às quartas de final de um Grand Slam pela primeira vez na carreira.

Comentários