Notícias | Outros
Cadeirantes: Casco e Lanai vencem o ITF de Santos
25/08/2019 às 16h23

Ezequiel Casco (à esq.), da Argentina, e o vice Carlos 'Jordan' Santos, de Brasília.

Foto: Rafael Pignataro

Santos (SP) – O argentino Ezequiel Casco e a brasiliense Jade Lanai conquistaram, respectivamente, o título das categorias Masculino e Feminino do Wheelchair Brasil – ITF Tênis Internacional, neste domingo, nas quadras do Tênis Clube de Santos. Também foram definidos os campeões das Quad (atletas com deficiência nos membros superiores e inferiores), Junior e Duplas.

Principal favorito ao título e 36o tenista mais bem colocado no ranking mundial da ITF, o argentino Ezequiel Casco, cabeça de chave 1, confirmou o favoritismo e venceu o brasiliense Carlos 'Jordan' Santos, 100o do mundo e cabeça 4 do torneio, por 7/5 e 6/2.

Do mesmo lado da quadra, formando uma parceria na chave de duplas, os dois foram campeões ao derrotarem os brasileiros Rafael Medeiros e Maurício Pommê, por 7/5 e 6/1.

No Feminino, em sua primeira final contra a experiente mineira Ana Caldeira (cabeça 1 e 57odo mundo), a jovem brasiliense Jade Lanai (cabeça 2 e 80ª) levou a melhor em dois sets diretos, por 7/5 e 6/4.

Como no Masculino, Ana e Jade também se juntaram na chave de duplas e foram campeãs diante da parceria Marisa Ferreira/ Natalie Ribeiro, por 6/3 e 6/1.

“Realizar o Wheelchair Brasil – ITF Tênis Internacional aqui no clube foi tudo para a gente. Quando recebemos a proposta de sediar o evento, ficamos muito emocionados com o convite. Foi um exemplo pra gente e uma estrutura impressionante. Quem ganhou com isso foi o Tênis Clube de Santos, o tênis paulista e brasileiro. Só temos a agradecer. Faço questão de receber o torneio novamente”, destacou André Costa Del Bosco Amaral, presidente do Tênis Clube de Santos.

“Para a Federação Paulista, o tênis cadeirante é uma categoria muito importante no desenvolvimento do tênis e para São Paulo é sempre um prazer ter torneios aqui para fomentar a modalidade no estado”, afirmou Luiz Fernando Balieiro, presidente da Federação Paulista.

O Wheelchair Brasil – ITF Tênis Internacional reuniu, de quinta a domingo, 70 paratletas de quatro países – Brasil, Argentina, Chile e Colômbia. O torneio foi válido pelo ranking da ITF (Federação Internacional de Tênis) e da CBT (Confederação Brasileira) e todos os tenistas brasileiros participantes tiveram gratuidade completa, sem despesas com inscrição, hospedagem, alimentação e traslado. 

Resultados finais:

Masculino

Ezequiel Casco (ARG) d. Carlos Santos (BRA) – 7/5 6/2

Masculino 2

Renato Silva de Melo (BRA0 d. Sebastião Silva (BRA) – 7/6(3) 3/6 6/2

Masculino Consolação

Lucas da Silva Correa (BRA) d. Marcos Vasconcelos (BRA) – 4/0 4/0

Feminino

Jade Lanai (BRA) d. Ana Caldeira (BRA) – 7/5 6/4

Feminino Consolação

Suelem Serral Machado Serral (BRA) d. Andreia Ferreira da Silva (BRA) – 4/2 4/1

Quad

Augusto Fernandes (BRA) d. Lúcio Umeki (BRA) – 6/1 6/0

Junior (todos contra todos)

Campeão – João Lucas Takaki

Vice-campeão – Cesar Silva da Rosa

Duplas Masculino

Ezequiel Casco (ARG)/Carlos Santos (BRA) d. Rafael Medeiros/Mauricio Pommê (BRA) – 7/5 6/2

Duplas Masculino 2

Thiago Barcelos/José Stradioto (BRA) d. Pedro Sergio Reis/Flavio Santos (BRA) – 6/4 6/0

Feminino Duplas

Ana Caldeira/Jade Lanai (BRA) d. Marisa Ferreira/Natalie Ribeiro (BRA) – 6/3 6/1

Quad Duplas

Augusto Fernandes/Felipe Ramos (BRA) d. Rodrigo Oliveira/Lucio Umeki (BRA) – 2/6 6/0 10-6

Veja as fotos
Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis