Notícias | Dia a dia | US Open
Chung e o promissor italiano Sinner furam o quali
23/08/2019 às 22h10

Jannik Sinner é um dos destaques da nova geração do circuito e jogará seu primeiro Slam

Foto: Divulgação

Nova York (EUA) - Ex-número 19 do mundo e semifinalista do Australian Open no ano passado, o sul-coreano Hyeon Chung voltará disputar uma chave principal de Grand Slam. Depois de ficar cinco meses longe do circuito por lesão nas costas, ele furou o quali do US Open ao vencer nesta sexta-feira o sueco Mikael Ymer, 107º do ranking, por 6/1 e 6/3.

Chung aparece atualmente no 151º lugar do ranking. O jovem jogador de 23 anos não pôde disputar nem Roland Garros e nem Wimbledon, mas vem de bons resultados em challengers e até já conquistou um título em Chengdu no mês de julho. Sua estreia na chave principal será contra o convidado norte-americano Ernesto Escobedo, 206º do ranking.

Outro ex-top 30 garantido na chave principal em Nova York é Santiago Giraldo. O experiente colombiano de 31 anos e atual 231º do ranking venceu o canadense Steven Diez por 7/6 (7-5) e 6/4. Giraldo já chegou a ser 28º do ranking em 2014 e não havia disputado o Slam norte-americano no ano passado. Seu próximo adversário é o cazaque Alexander Bublik.

Entre as novidades no torneio, destaque para o promissor italiano Jannik Sinner, que disputará seu primeiro Grand Slam. O jogador de apenas 18 anos e já 131º do ranking venceu o espanhol Mario Vilella Martinez por 7/6 (7-1) e 6/0. Sinner ocupava apenas o 551º lugar do ranking na virada do ano e agora ocupa a 131ª coloção. Ele estreia na chave principal contra o suíço Stan Wawrinka, campeão do torneio em 2016.

Outro atleta muito jovem que furou o quali foi norte-americano de 18 anos Jenson Brooksby, apenas 393º colocado no ranking mundial. Ele venceu o espanhol Pedro Martinez, número 152 do mundo, por 6/3, 6/7 (4-7) e 6/3. O próximo compromisso do jovem norte-americano será contra o tcheco Tomas Berdych.

Comentários
Faberg
Roland Garros Series