Notícias | Dia a dia | US Open
Monteiro encara 108º da ATP na estreia em NY
22/08/2019 às 14h06

Nova York (EUA) - Único representante brasileiro garantido até então na chave individual do US Open, o cearense Thiago Monteiro escapou dos principais favoritos no sorteio desta quinta-feira e abrirá sua campanha no último Grand Slam da temporada diante do atleta da casa Bradley Klahn, de 28 anos e atual 108 do mundo.

Será a segunda vez que os dois medirão forças pelo circuito, a primeira na chave principal de um evento deste porte. O outro embate aconteceu no ano passado pelas oitavas de final do challenger de Aix en Provence, disputado no saibro, e acabou com vitória do brasileiro em sets diretos.

Nascido na Califórnia, o norte-americano tem apenas três vitórias em chaves principais de Slam em 12 participações, duas delas jogando em casa, batendo o austríaco Jurgen Melzer (então 34 do mundo) na primeira rodada de 2012 e o francês Kenny De Schepper (69º do ranking naquele momento) na estreia em 2013.

Quem passar pela estreia tem tudo para desafiar o japonês Kei Nishikori, que curiosamente foi o algoz de Monteiro em Wimbledon, quando eles mediram forças logo na primeira rodada.

Monteiro vai para sua sétima aparição em uma chave principal dos quatro maiores torneios do circuito, tendo vencido apenas dois jogos neste nível até então, ambos em 2017, quando chegou nas segundas rodadas de Roland Garros e Wimbledon. Seu histórico no US Open é bastante modesto, com uma derrota em sua única participação, superado pelo tunisiano Malek Jaziri em 2017.

Comentários