Notícias | Dia a dia
Halep é muito exigida e consegue escapar da derrota
07/08/2019 às 17h08

Halep chegou a ficar a dois pontos da eliminação em Toronto

Foto: Divulgação

Toronto (Canadá) - Em seu primeiro jogo desde o título de Wimbledon, Simona Halep foi muito exigida na rodada de estreia do WTA Premier de Toronto. Duas vezes campeã no Canadá, em 2016 e no ano passado, a romena chegou a ficar a dois pontos da derrota, mas superou a norte-americana Jennifer Brady, 76ª colocada, por 4/6, 7/5 e 7/6 (7-5) em 2h26 de partida.

Número 4 do mundo, Halep tem a missão de defender 900 pontos no ranking nesta semana. Até por isso, ela não está na disputa pelo número 1 com Ashleigh Barty, Naomi Osaka e Karolina Pliskova. A romena de 27 anos enfrenta nas oitavas a vencedora da partida entre a russa Svetlana Kuznetsova e a croata Donna Vekic.

Halep não teve um bom começo de partida e sinalizava alguma dificuldade na movimentação. Ainda durante o primeiro set, ela já havia solicitado ao árbitro a visita de uma fisioterapeuta para tratar de um incômodo no tendão de aquiles da perna esquerda. O atendimento de três minutos, entretanto, só acabou acontecendo depois do segundo set.

Ao longo do set inicial, Brady foi a jogadora mais agressiva em quadra, liderando a contagem de winners por 12 a 6. A norte-americana já começou a disputa fazendo 3/0, chegou a permitir o empate, mas voltaria a quebrar no último game da parcial.

O segundo set teve altos e baixos, já que Halep abriu 2/0, perdeu três games seguidos, mas deu o troco e fez 5/3. A romena foi quebrada quando sacava para fechar ao cometer quatro erros seguidos, mas voltaria à frente no placar no game seguinte. Desta vez, a diferença no número de winners foi bem menor, 8 a 7 para a norte-americana, que cometeu dez erros contra doze da romena.

Superior no início do terceiro set, Halep parecia encaminhar a vitória. A romena venceu 16 dos primeiros 20 pontos da parcial e conseguiu duas quebras seguidas para abrir 4/0. Mas Brady não entregou os pontos. A americana pressionava nas devoluções e mudava bastante a direção da bola, jogando um tênis firme do fundo de quadra para igualar a partida.

Brady chegou a vencer cinco games seguidos para liderar por 5/4, mas Halep voltou a sacar bem justamente no momento de maior pressão. Na sequência, a romena perdeu um break point ao errar uma devolução de segundo serviço, mas conseguiu a quebra pouco depois. A romena não aproveitou a chance de sacar para o jogo e a disputa foi para o tiebreak.

No game-desempate, a ex-número 1 seguiu muito exigida. Após troca de vantagens, ela passou à frente ao vencer um ponto no saque da adversária quando o placar estava 4-4 e definiu a partida em seu segundo match point. Brady liderou nos winners por 31 a 21 e cometeu 39 erros contra 33 da romena.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis