Notícias | Outros
Rodrigues ganha o Brasilia Open e sobe no ranking
11/07/2019 às 17h41

Daniel Rodrigues, o campeão, à direita.

Foto: Divulgação

Brasília (DF) – Após quatro dias de disputas, o Brasília Open chegou ao fim domingo passado. Um dos mais importantes torneios de Tênis em Cadeira de Rodas realizados no Brasil terminou com dois brasileiros campeões: Daniel Rodrigues, na chave principal da categoria Open, e Ymanitu Silva, nas duplas da categoria Quad.

A pontuação adquirida com a vitória em Brasília valeu pontos preciosos para Daniel Rodrigues, que subiu seis posições na classificação da ITF e chegou ao 13º lugar no ranking mundial, que é a melhor colocação na sua carreira. Na decisão, ele enfrentou o argentino Agustin Ledesma, principal cabeça de chave da competição, e venceu por 7/5 e 6/3. Na final das duplas, Ledesma e Ezequiel Casco venceram a parceria de Daniel com Gustavo Carneiro Silva por 7/6 (4) e 6/4.

"Estou vivendo bons momentos na minha carreira, sempre trabalhei duro para que isso acontecesse. Hoje, consegui chegar no meu melhor ranking, estou muito feliz por essa evolução. Título é sempre bom, mas em casa é melhor ainda, principalmente quando você sabe que o grau de dificuldade do torneio era de alto nível", comemora o atleta. "Nesta semana, embarco para Europa para fazer mais quatro torneios de nível altíssimo. Minha meta é simplesmente manter o que estou fazendo que o resultado virá naturalmente, desde que você busque por ele", completa Daniel.

Na categoria Quad, Ymanitu Silva fez a final com o canadense Robert Shaw, que venceu por duplo 6/0. Os dois formaram parceria para o torneio de duplas, em que foram campeões com vitória sobre o britânico Antony Cotterill e o norte-americano Nicholas Taylor por duplo 6/3.

Os dois tenistas atravessam um grande momento na temporada. Daniel e Ymanitu chegaram a três finais de torneios nas últimas três semanas, sendo que cada um conquistou um título. Eles competem no circuito internacional apoiados pela Confederação Brasileira de Tênis (CBT).

Em Brasília, na categoria Open feminino, Meirycoll Duval também obteve um bom resultado ao chegar à final das duplas jogando com a japonesa Momoko Ohtain. Na final, elas foram superadas pela parceria entre a Argentina Maria Florencia Moreno e a chilena Macarena Cabrillana.

"É muito importante realizar torneios como este no Brasil, que possibilitam aos atletas do país marcarem pontos no ranking com um custo menor. A vitória do Daniel é só um dos pontos positivos do torneio. Temos que destacar ainda que vários brasileiros somaram pontos e subiram posições no ranking, possibilitando que trabalhem para conquistar vagas de olho em Tóquio-2020. Além de tudo isso, este tipo de competição faz com que os atletas brasileiros evoluam cada vez mais ao competir com atletas de alto nível do mundo inteiro", destaca Jesus Tajra, vice-presidente da CBT.

A competição foi realizada pela Confederação Brasileira de Tênis (CBT) com o apoio do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB). Os jogos foram disputados no Brasília Country Club.

RESULTADOS

Simples masculino
1: Daniel Rodrigues (Brasil)
2: Agustin Ledesma (Argentina)

Dupla masculina
1: Agustin Ledesma (Argentina)/ Ezequiel Casco (Argentina)
2: Daniel Rodrigues (Brasil) / Gustavo Carneiro Silva (Brasil)

Simples feminina
1: Momoko Ohtain (Japão)
2: Maria Florencia Moreno (Argentina)

Dupla feminina
1: Maria Florencia Moreno (Argentina)/ Macarena Cabrillana (Chile)
2: Meirycoll Duval (Brasil)/ Momoko Ohtain (Japão)

Quad Simples
1: Robert Shaw (Canadá)
2: Ymanitu Silva (Brasil)

Quad Dupla
1: Ymanitu Silva (Brasil)/ Robert Shaw (Canadá)
2: Nicholas Taylor (EUA)/ Antony Cotterill (Reino Unido)

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis